Fox deve fechar acordo ainda esta semana com a Globosat

Os grupos Fox e Globo devem fechar ainda nesta semana um acordo de compartilhamento de direitos esportivos válido de 2013 a 2018.

Pelo acordo, a Fox cederá à Globo os direitos de TV paga das copas Libertadores e da Sul-Americana. Assim, o canal Sportv voltará a transmitir em 2013 o principal torneio interclubes do continente.

Em troca, o canal Fox Sports terá as Copas do Mundo de 2014 e 2018 e os Jogos Olímpicos de 2016. Por causa dos direitos desses três grandes eventos, a Fox tentou comprar a Bandsports.

A Fox Sports receberá da Globo também o Campeonato Brasileiro e a Copa do Brasil. Do Brasileirão, terá apenas gols, melhores lances e o direito de exibir VTs de jogos. O canal deverá transmitir VTs de jogos realizados no mesmo dia, mas que só tiveram exibição no pay-per-view. Não poderá mostrar nada ao vivo do campeonato.

Pelo acordo, a Globo continuará tendo a preferência de escolha dos jogos da Libertadores nas quartas à noite. A Fox Sports escolherá o segundo jogo. Ao Sportv, caberá exibir a mesma partida da Globo ou escolher uma terceira alternativa.

Assim, numa rodada hipotética, a Globo escolheria jogos do Corinthians ou São Paulo; a Fox, do Palmeiras ou Fluminense; e o Sportv, do Grêmio ou Atlético-MG (caso todos esses times jogassem no mesmo dia, o que é improvável).

Vantagens

Para a Fox, o acordo é interessante por vários motivos:

1) o canal garante a transmissão das duas próximas Copas do Mundo e a Olimpíada do Rio de Janeiro, que eram uma grande lacuna na sua programação;

2) com esses três grandes eventos, mais a cobertura e VTs do Campeonato Brasileiro, aumenta o seu poder de negociação com anunciantes;

3) o Campeonato Brasileiro e a Copa do Brasil colocam o canal no mapa dos torneios nacionais;

4) o Brasileirão e a Copa do Brasil devem reduzir a queda de audiência no segundo semestre, quando não há Libertadores;

5) com esses direitos esportivos, a Fox Sports deve se consolidar como segunda maior força do esporte na TV paga, atrás do Sportv, superando a ESPN. E terá conteúdo para abastecer seu segundo canal, a Fox Sports 2.

Para o Sportv, o acordo é interessante porque o canal volta a ter a Libertadores, que rende grande audiência.

Audiências

Os executivos da Fox Sports acreditam que o acordo não irá reduzir a audiência do canal com a Libertadores.

Neste ano, transmitindo o torneio continental com exclusividade, a Fox Sports foi o 11° canal mais visto em maio, um resultado excelente para um canal que fora lançado apenas três meses antes. Os cinco programas mais vistos na TV paga naquele mês foram jogos da Libertadores na Fox Sports.

Nos meses seguintes, sem a Libertadores, a audiência do canal desabou. Em agosto, a Fox Sports caiu para 31ª posição no ranking dos canais pagos. Em novembro, foi o 35°.

Informações do blog do jornalista Daniel Castro, do R7.com

10 milhões de assinantes ficam sem Libertadores por causa da Fox Sports

Cerca de 10 milhões de assinantes devem ficar sem assistir hoje à estreia do Santos na Libertadores. A Fox Sports não exibirá as partidas no FX e no Speed, presentes na Sky e na NET.

Maiores operadoras do Brasil, as duas empresas ainda não aceitaram a entrada da Fox Sports. A tática do canal, agora, será fazer jogo duro e esperar que os assinantes pressionem suas operadoras.

À coluna a Fox Sports informa que as negociações seguem em ritmo acelerado. “É importante esclarecer que a Fox Sports é produtora de conteúdo exclusivo no segmento de esportes e que não pretende distribuir sua programação ou jogos para outros canais de entretenimento da Fox.”

Nota publicada pelo colunista Alberto Pereira JR.

%d blogueiros gostam disto: