México dá último adeus a Roberto Gómez Bolaños, criador de Chaves e Chapolin

FÃS LOTAM ESTÁDIO MEXICANO PARA VELÓRIO DE CHESPIRITO

Milhares de fãs foram ao Estádio Azteca, na Cidade do México, para se despedir do comediante Roberto Gómez Bolaños, criador de personagens como Chaves e Chapolin, que morreu na última sexta, aos 85 anos.

chavess chavesss chavessss

Florinda Meza proíbe Carlos Villagrán de ir a velório de Roberto Gómez Bolaños

florinda
Florinda Meza, a Dona Florinda de Chaves, vetou o ator Carlos Villagrán, o Quico, no velório de Roberto Gómez Bolaños, criador e protagonista da série mexicana, morto na última sexta-feira (28), aos 85 anos. Segundo o jornal hispânico La Opinión, a atriz, que era companheira de Bolaños havia mais de 35 anos, proibiu o acesso do ex-colega à despedida ao comediante, neste domingo (30), para evitar desencontros ou polêmicas desnecessárias.
Florinda Meza, que era mãe de Carlos Villagrán em Chaves, mantém distância do ex-colega desde 1978, quando o ator deixou o elenco do programa. Os dois namoraram durante as gravações, no começo da década de 1970, mas se separaram pouco tempo depois. Em 1977, a atriz e Bolaños começaram um romance (e se casaram em 2004). Villagrán a acusou de ter influenciado o comediante para tirar espaço de Quico na série.
Carlos Villagrán saiu de Chaves em 1978, após receber uma proposta de um programa solo na Venezuela. Como Bolaños era dono do nome Quico, o ator registrou o nome Kiko, com K. Em 2012, também foi vetado em outra homenagem ao criador de Chaves, o América Celebra a Chespirito, evento organizado pela rede mexicana Televisa.
Embora tenha sido barrado por Florinda Meza, Carlos Villagrán publicou uma mensagem de despedida a Roberto Gómez Bolaños. Em sua página no Facebook, escreveu que sente muito “a morte de um grande homem, amigo, gênio”.
“Tantos países, tantas pessoas foram tocadas pelo talento desta grande pessoa, que me abriu as portas para desenvolver o personagem Quico. Para ele, todo meu agradecimento, minha tristeza e minha dor. Somente quando se vive a realidade de uma ausência, se descobre o verdadeiro sentimento de uma amizade e um grande mestre”, lamentou.
O corpo de Roberto Gómez Bolaños saiu na manhã de sábado (29) de Cancún rumo à sede da Televisa, na Cidade do México. Neste domingo (30), será realizado um megavelório no estádio Azteca, o maior do México, a partir das 14h (horário de Brasília), com transmissão ao vivo do SBT. O enterro está marcado para segunda-feira (1º).

 

Criador de “Chaves”, Roberto Bolaños garante que está “muito bem” de saúde

Roberto Gomez Bolaños agradece homenagem feita no México (29/2/12)

Roberto Gomez Bolaños agradece homenagem feita no México 

O comediante mexicano Roberto Gómez Bolaños, criador dos seriados “Chaves” e “Chapolin Colorado”, está “muito bem” de saúde e emocionado após a homenagem que recebeu no Auditório Nacional do México, segundo contou o próprio artista através do Twitter.

“Agradeço a todos os que estão perguntando pela minha saúde. Estou cansado, mas muito bem, emocionado, contente e com muitos cuidados”, escreveu o artista de 83 anos na rede social pela qual se comunica com seus mais de 2,5 milhões de seguidores.

O comediante, conhecido no México como Chespirito, respondeu assim as informações divulgadas em meios de comunicação mexicanos sobre a suposta deterioração de sua saúde, já que foi retirado ontem do Auditório Nacional em uma ambulância.

Apesar disto, Bolaños agüentou com bom humor as quase três horas de gravação do programa que homenageou seus 40 anos de carreira e que será transmitido no próximo dia 11 de março no México.

Em uma cadeira de rodas e respirando com auxílio de um cilindro de oxigênio, Chespirito apresentou bastante dificuldade para falar, mas acompanhou emocionado cada uma das demonstrações de carinhos de fãs e amigos. 

As informações são do Portal UOL

Mais de 22 mil pessoas homenageiam os 40 anos do seriado Chaves

Cerca de 22 mil pessoas participaram de uma megacoreografia na Cidade do México no último fim de semana, em homenagem os 40 anos do seriado Chaves, e seu criador Roberto Gómez Bolaños, o Chespirito.

A atividade faz parte do programa América Celebra Chespirito, que será emitida em vários países da América Latina.
 
No México famílias inteiras, caracterizadas pelos eternos personagens criados por Bolaños, como o Quico, Chaves, Dona Florinda, Chiquinha, Professor Girafales, Seu  Barriga, Seu Madruga, e outros, compareceram no monumento à Revolução no Distrito Federal desde as primeiras horas da manhã a fim de encontrar o melhor lugar para executarem a coreografia.
As informações são do O Fuxico

Astro de “Chaves” completa 83 anos; relembre momentos

Roberto Gómez Bolaños, criador de 'Chaves', completa 83 anos nesta terça-feira (21) . Foto: Danilo Mejias/SBT /Divulgação

Roberto Gómez Bolaños, criador de ‘Chaves’, completa 83 anos nesta terça-feira (21) 

Nesta terça-feira (21), Roberto Bolaños, mais conhecido por seus personagens Chaves e Chapolin, completa 83 anos. Para homenagear um dos maiores nomes da TV, o Terra selecionou algumas fotos da carreira do astro.

Roberto Gómez Bolaños começou a trabalhar em 1951, em uma agência de publicidade. Quase 10 anos depois, começou a escrever roteiros para importantes programas de TV no México e, devido ao grande sucesso, também se aventurou em roteiros de filmes.

Em 1970, após quase 10 anos se aventurando na TV, iniciou a transmissão de Chespirito com uma hora de duração. Neste programa nasceu o personagem Chapolin Colorado. Três anos depois, o programa chegou ao fim, mas em seu lugar surgiram outros dois, com meia hora cada: Chapolin Colorado eChaves, já no Telesistema Mexicano, hoje conhecido como Televisa.

Em 1977, o elenco do programa começou as turnês promocionais pela América Latina, mesma época em que a relação amorosa entre Roberto Gómez Bolaños e Florinda Meza (Dona Florinda) veio a público. Apesar do relacionamento de longa data, foi em 2004 que o casal oficializou a união com um casamento.

Atualmente, Bolaños tem recebido diversas homenagens pela América Latina, em comemoração aos seus 40 anos de carreira. No último domingo (19), mais de 20 mil pessoas se reuniram no centro da Cidade do México fantasiados com os personagens da série de sucesso. Muitas ruas foram fechadas para o público, que imitava os personagens Chaves, Chiquinha, Seu Madruga e Chapolin, entre outros.

Em janeiro deste ano, mais de dois mil bolivianos homenagearam o comediante mexicano também com um festival de dança dedicado aos personagens de Chaves e Chapolin, como parte dos tributos que acontecerão em vários países da América Latina. Um Auditório Nacional será inaugurado no final deste mês no México. Em março, a Televisa transmitirá para vários países uma grande homenagem a Bolaños.

Siga com a galeria e relembre algumas fotos de Roberto Gómez Bolaños, criador e intérprete de Chaves.

As informações são do Portal Terra

Fãs imitam Chaves e concorrem a viagem ao México

https://i2.wp.com/www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/historia-da-televisao/imagens/historia-da-televisao-sbt-002.jpg

O SBT e o Programa do Ratinho participam ativamente da grande homenagem. Nesta quinta-feira, 9 de fevereiro, Ratinho recebe no palco três fãs que fazem a arte do cosplay, ou seja, que imitam seus personagens favoritos do seriado “Chaves”.

Os fãs passam por um teste de vídeo interpretando uma cena do personagem escolhido. Um deles vai ser selecionado para ir ao México e gravar no dia 29 de fevereiro uma grande esquete da vila do Chaves para ser transmitida por toda a América Latina e concorrer a US$ 10 mil.

SBT vai transmitir evento da TELEVISA – “América Celebra Chespirito”

https://i0.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20120208085059.jpg

SBT participa de comemoração da Televisa em homenagem a Roberto Gómez Bolaños 

Em comemoração à carreira de Roberto Gómez Bolaños, a Televisa se úne a 16 países e realiza o grande evento “America Celebra a Chespirito”, que será gravado no dia 29 de fevereiro e exibido para todos os países envolvidos no dia 11 de março.

Chaves ou melhor, Roberto Gomez Bolaños entra ao vivo na Twitcam e bate recorde de acessos; mais de 40 mil visualizações simultâneas

E quem deu as caras na noite desta sexta, 29, na rede social, Twitter, foi o Chaves. O comediante que interpreta o personagem há mais de 30 anos, Roberto Gomez Bolanños, abriu a famosa twitcam e conversou por mais de uma hora com seus fãs. As perguntas foram muitas e o site congestionou por muitas vezes. Entre algumas perguntas feitas pelos fãs e respondidas pelo próprio, destacamos algumas:

– Você virá quando ao Brasil?

Roberto Gomez Bolaños: Eu amo o Brasil e quero muito ir ao país, mas no momento em que estou, mal de saúde, não posso, mas quando melhorar e houver condições irei fazer uma visita aos meus fãs brasileiros com maior orgulho.
– Você tem algum episódio preferido de Chaves e Chapolin?
Roberto Gomes Bolaños: É muito difícil responder essa pergunta, pois todos são bons, todos são meus favoritos.
– Qual é o nome verdadeiro do Chaves?
Roberto Gomez Bolaños: O nome verdadeiro do Chaves até hoje é um mistério do personagem. (risos)
– E porque os brasileiros tem todo esse carinho com seus personagens?
Roberto Gomez Bolaños: Primeiramente queria deixar o meu agradecimento mais grande do mundo, pois os melhores tweets que recebo, as melhores mensagens são do Brasil, mas claro que estou cometendo uma injustiça, pois recebo várias mensagens diariamentes de todos os fãs, de todos os países, mas as dos fãs brasileiros são as que mais me cativam.
– Porque os nomes dos seus personagens sempre começam com CH? Ex: Chaves, Chapolim, etc.
Roberto Gomez Bolaños: Mera coincidência, mesmo.


Durante a conversa via web cam o eterno Chaves concedeu uma entrevista pelo telefone a uma apresentadora do México, chamada Adela Micha, para o canal Televisa. Ao longo do bate-papo com os fãs os números de viewrs não paravam de subir, assim causando paralisação no servidores do site durante vários minutos.

E de quebra, o sucesso mundial, bateu um recorde no site da twitcam. Mais de 40 mil acessos simultâneos vendo o Chaves. Um verdadeiro sucesso de décadas que até hoje mantém intacto ao passar do tempo. Um exemplo, também, o recém sucesso nas tarde do SBT, fazendo com que o Datena desista da Record e volte para a Band. Roberto Gomez Bolaños também disse na  exibição que o primeiro episódio de Chaves foi ao ar quando tinha 42 anos e o do Chapolin, 41. E o mesmo, terminou a exibição beijando a sua esposa, Florinda Meza e cantando uma das tradicionais músicas do seriado Chaves, Que bonita a sua Roupa, alegrando assim todos os fãs que os acompanhavam e deixando com gostinho de ”quero mais”.

%d blogueiros gostam disto: