CANCELADO: “Rebelde” não terá mais reprise as 18h

Record nega reprise de Rebelde às 18h

Como voce ficou sabendo aqui no CTV, a reprise de “Rebelde” para a faixa das 18h não irá mais ao ar. Os boatos eram de que a Record, simplesmente, queria a novela neste horário pra incomodar a versão mexicana exibida pelo canal a pago, o Boomerang.

Outros também diziam, que era um teste pra ver se a novela daria certo competindo com Chaves, Datena e a novela “A Vida da Gente”. A mudança ia acontecer se os índices de audiência fossem satisfatórios.

Mas quem esperava a reprise hoje, não irá ver. Isso porque a assessoria de impressa da emissora negou essa informação e que a novela continuará somente as 20h40.

No site da emissora, até ontem, havia “Rebelde” entre o “Tudo a Ver” e o “SP Record”. Mas a partir de hoje, quem acessava o site nao via mais a novelinha teen as 18 horas.

E já se sabe que com a exibição dos “Jogos Panamericanos de Guadalajara”, a emissora midificará os horários de alguns programas, mas que depois do Pan voltarão ao seu horário normal.

REDAÇÃO CTV

A história mais mal contada da novela do SBT

Aconteceu que no fim de semana passada, no SBT, apareceu uma chamada da novela Rebelde, grande sucesso do SBT em 2006. A mesma novela vai ser realizada pela Record, em versão atual e atores brasileiros.

Vocês acreditam que esta chamada do SBT foi um equívoco da emissora? Esta foi a versão oficial do SBT, que tudo foi um engano.

Sabem quem é o responsável pelas chamadas do SBT? Fernando Pelégio, pessoa da mais alta confiança de Silvio Santos e Dani Bey. Ele está no conselho que Dani criou para estar ao seu lado.

Vocês acreditam que um homem com a experiência de Fernando Pelégio seria responsável por tal equívoco? Se vocês acreditam então estão aceitando a versão do SBT.

Eu não acredito. Não me espantaria se o SBT colocasse no ar a novela Rebelde, bem no mesmo horário que Rebelde da Record, e deixassse a Justiça resolver a questão, nos moldes que fez com Pantanal.

O SBT tinha direito a mostrar três novelas estrangeiras e apresentou apenas duas. Na Justiça, isto é questionável e aceitável em tese, pois se o direito são três e foram mostradas duas, falta uma. O contrato não cita que a novela só possa ser mostrada uma única vez, sendo efetivamente proibida sua segunda apresentação.

Matéria escrita pelo colunista James Akel.

%d blogueiros gostam disto: