6ª temporada de “Dexter” tem início lento enquanto tenta retornar às origens

Pôster da sexta temporada de "Dexter" com o ator Michael C. Hall

Pôster da sexta temporada de “Dexter” com o ator Michael C. Hall

O primeiro episódio da sexta temporada de “Dexter” foi ao ar domingo (26) no canal FX e iniciou, a passos de tartaruga, o novo capítulo da saga do serial killer e analista forense. “Those Kinds of Things” tentou impor um tom de volta às origens da série –como os fãs aguardavam desde o final da quinta temporada. Mesmo que indicando possíveis boas direções para a história, o resultado foi irregular.

O episódio começa promissor, com Dexter aparentemente esfaqueado e chamando por uma ambulância. No entanto, a tensão acaba em questão de instantes, quando se revela que é apenas um artifício para ele dar fim a dois malvados “descartáveis” da semana.

Com Rita e Lumen fora da história, o filho de Dexter, Harrison, é um de seus últimos elos emocionais. Dexter teme que Harrison, com pouco mais de um ano, possa desenvolver instintos assassinos. Nesta temporada, o analista forense deixa de questionar tanto seus crimes e dá pistas de que poderá voltar a ser o matador frio e calculista do começo da série.

As informações são do Portal Terra

%d blogueiros gostam disto: