SBT: Próxima novela do autor Tiago Santiago poderá se chamar “Chupa-Cabra”

Os "Mutantes", trama feira pelo autor na Record

Autor de Os Mutantes (2007/09), novela povoada de criaturas míticas, Tiago Santiago voltará a investir no gênero realismo fantástico em seu próximo trabalho no SBT.

O autor prepara uma novela enveredada pelo sobrenatural, que vai ter como um dos temas a lenda do chupa-cabra, criatura que, de acordo com a crendice popular, ataca animais rurais na América Latina, especialmente em Porto Rico, México e Brasil.

O nome da criatura deve-se à descoberta de várias cabras mortas em Porto Rico, com marcas de dentadas no pescoço e o sangue alegadamente drenado.

Santiago tirou a inspiração das histórias sobrenaturais que escrevia para o Você Decide (Globo), na década de 1990, quando era roteirista do programa.

O autor, contudo, ainda não confirma plenamente a temática do chupa-cabra.

“Posso adiantar apenas que vou escrever em tom de comédia tramas que vão sim envolver realismo fantástico e ficção, como fiz, por exemplo, em Mutantes”, disse Santiago ao blog. A novela deve entrar em produção no segundo semestre.

Informações do blog do jornalista Daniel Castro.

Ditadura militar é um tema forte; sofrimento dá audiência

Tiago Santiago vai ressuscitar a ditadura em sua nova telenovela no SBT

 

Luta, tortura, guerra civil e morte são coisas que muitos brasileiros vivenciaram no início da década de 60 até meados da década de 80. Onde pessoas que protestavam contra o governo militar era severamente punido e, na grande maioria das vezes, morto. A sociedade não tinha direito de resposta, a imprensa era censurada e coitados daqueles que fossem oposto ao regime.

É em relação a esse passado de repressão, que Tiago Santiago vai colocar em prática na sua telenovela no SBT, Amor e Revolução.

Regime militar no Brasil

 

O SBT preferiu ressuscitar um passado de muito sofrimento e, como sofrimento dá audiência, não poderia existir tema melhor para uma produção dramática em uma emissora que ainda está tentando voltar ser um grande sucesso em teledramaturgia.

Tentar reconquistar um grande público não é tarefa fácil, uma vez que, Silvio Santos foi o grande responsável pela instabilidade de novelas e pela falta de compromisso com quem as assistiam e, por esse e outros motivos, o SBT não é bem visto quando o assunto é relacionado a obras dramáticas.

Analisando ‘Amor e Revolução’ através das chamadas exibidas pelo SBT, este colunista daria nota oito, pois as cenas são de uma originalidade implacável e chamam a atenção do público, prova disso, é que das vezes que foi exibida, a chamada conseguiu uma audiência que inúmeras atrações do SBT não conseguem. Prender o público é o foco, e por esse objetivo, a emissora está sabendo lutar muito bem.

Coluna escrita por Rodolfo Carvalho.

%d blogueiros gostam disto: