Consolidados de Carrossel, Rebelde e Máscaras no Rio de Janeiro (segunda a quinta-feira)

SEGUNDA-FEIRA, 18

:sbt:
CARROSSEL
11,0 pontos
16,3% de share

:record:
REBELDE
4,9 pontos
7,7% de share

:record:
MÁSCARAS
7,5 pontos
16,5% de share

TERÇA-FEIRA, 19

:sbt:
CARROSSEL
10,8 pontos
16,0% de share

:record:
REBELDE
6,3 pontos
9,9% de share

:record:
MÁSCARAS
7,3 pontos
15,1% de share

QUARTA-FEIRA, 20

:sbt:
CARROSSEL
11,2 pontos
16,5% de share

:record:
REBELDE
6,0 pontos
9,1% de share

:record:
MÁSCARAS
8,2 pontos
14,6% de share

QUINTA-FEIRA, 21

:sbt:
CARROSSEL
11,4 pontos
17,1% de share

:record:
REBELDE
5,2 pontos
7,8% de share

:record:
MÁSCARAS
9,0 pontos
18,9% de share

‘Máscaras’ na Record pontua seu pior índice desde a estreia; SBT cresce no Ibope do horário

https://i2.wp.com/entretenimento.r7.com/mascaras/files/2012/04/mascaras.jpgE a novela que recém estreiou na tela da Record, Máscaras, não anda muito bem no Ibope. Ontem (14), a novela marcou seu pior índice de média desde sua estreia na Record. Foram 6.0 pontos de média no horário. Seu antigo recorde negativo era de 6.2 pontos de média.

Não bastasse o recorde negativo, a novela perdeu para o SBT no horário, que registrou 8.2 pontos e a vice-liderança. Ainda, a trama da Record empatou com a Band, também, em 6.0 pontos de média.

Lauro César Muniz estreia novela e critica roteiristas da Globo

O dramaturgo, Lauro Cesar Muniz, 74, autor de "Máscaras", nova novela da Record.

Enquanto a Record está “com mais tesão”, a Globo “comete um erro grave”, diz Lauro César Muniz, 74, autor de novelas globais clássicas, como “Roda de Fogo” e “O Salvador da Pátria”.

Em busca da classe C (que hoje representa 54% da população), a Globo estaria, na visão dele, produzindo tramas popularescas e subestimando seu público-alvo. “Por que esses caras [a nova classe média] são inferiores? Tenho a impressão de que buscam uma dramaturgia mais arrojada”, afirma.

O autor estreia no dia 10 de março sua nova novela na Record, Máscaras.

Você acha que vai ser sucesso?

Confira na íntegra a sinopse da nova novela da Record, “Mascaras”:

Imagem

Paloma Duarte estará na novela que substitui "Vidas em Jogo"

Depois de uma séria crise de DPP (depressão pós-parto) que a leva a rejeitar o filho recém-nascido, Maria (Míriam Freeland), esposa do rico proprietário rural Otávio Benaro (Fernando Pavão), parte para um cruzeiro terapêutico num transatlântico, acompanhada de seu médico, Dr. Décio Navarro (Petrônio Gontijo). No navio, Maria encontra uma antiga colega de faculdade, Tônia (Daniel Galli), uma psicóloga que se interessa por seu caso. Na volta da viagem, Maria e o bebê são misteriosamente sequestrados. Otávio obedece às ordens que os raptores lhe transmitem e entrega uma fortuna para salvar esposa e filho. Mas, inexplicavelmente, os bandidos desaparecem com seus parentes queridos, sem deixar vestígio.

Otávio desconfia de todos: dos empregados da fazenda, do Dr. Décio e do cunhado Martim (Heitor Martinez), um boa vida sem muito caráter que vivia nos Estados Unidos e retorna ao Brasil por conta do desaparecimento da irmã. Para complicar, a psicóloga Tônia vai atrás de informações de sua amiga Maria e, com essa interferência, o seqüestro se torna público: a polícia é chamada, mas não consegue resolver o caso, porém. O tempo passa e, sem descobrir vestígios dos desaparecidos, Otávio entra em profunda crise depressiva, a ponto de ser internado na clínica do Dr. Décio. Sem nenhuma notícia e ele pensa em cometer o mais extremo dos atos: atentar contra a própria vida. 

Meses após o sequestro, aparece finalmente uma pista. Uma mensagem por e-mail, não identificada, chega a Décio: “Sei tudo o que aconteceu a Maria e seu filho. Leve Otávio Benaro ao cruzeiro indicado abaixo e lá estarei para revelar tudo”. O Dr. Décio convence Otávio a fazer a viagem de navio, afirmando que ela faz parte da terapia. 

Martim, o irmão de Maria, acompanhado de sua namorada Manuela (uma bela garota de programa), recebe um telefonema e ouve uma voz feminina angustiada, falando seu nome: “Martim! Martim!”. Fica espantado porque parece a voz de sua irmã. Estaria viva, tantos meses após o sequestro? Martim telefona para a clínica e acaba obtendo a informação de que seu cunhado vendeu a fazenda e viajou com o médico. Ele deduz que o médico Décio está fazendo um jogo para se apossar do dinheiro de Otávio e decide descobrir para onde foram. Grande parte do dinheiro da fazenda pertencia à sua irmã, sua família tem direitos sobre a venda. 

Martim também parte no transatlântico que leva Otávio e Décio. Otávio continua cheio de ideias sinistras e o médico teme que se atire ao mar. Quando o navio atraca em Búzios, ele é novamente internado. Martim vem com a notícia – duvidosa – de que Maria e o bebê de fato morreram. Otávio entrega os pontos definitivamente: grava um vídeo de despedida, passa o restante de seu dinheiro e bens para Martim e pede que Décio o ajude a morrer com dignidade. Otávio é levado a um helicóptero com Décio e Martim vai junto para ter certeza do “suicídio”. Décio vai aplicar uma injeção em Otávio para que ele nada sofra, mas na última hora o jogo se inverte: Décio e o enfermeiro que o acompanha aplicam a injeção em Martim e é ele que, no lugar de Otávio, é lançado ao mar. 

Deste momento em diante, Décio e Otávio jamais serão as mesmas pessoas. Por conta do vídeo que Otávio deixou, todos pensam que ele está morto. Otávio pega os documentos de Martim e assume outra identidade: ganha uma nova vida e recupera seu dinheiro. O que ele não imagina é que a nova identidade vai atirá-lo, dali em diante, num redemoinho de aventuras e perigos.

Informações do Teledramaturgia e do Fórum NaTelinha. 

%d blogueiros gostam disto: