“O CanalTV! Entrevista”. Caminhoneira e Rica, Débora Rodrigues fala com exclusividade

Débora Rodrigues ficou famosa após posar para Playboy e apresentar o Fantasia, programa da década passada que era mania nacional. Depois de sair do ar, a mesma foi seguir carreira na Fórmula Truck, onde se encontra hoje. Débora se tornou milionária, casou-se e voltou para a mídia ao participar do programa “Mulheres Ricas” da Band. Ela falou com exclusividade, veja:

Você já foi apresentadora do extinto e popular Fantasia. Porque não seguiu direto na carreira?

Porque, a televisão é muito clara, se você não se mantem em um programa você está fora. O formato acabou e não deu certo com outras pessoas Fui seguir na fórmula truck, eu deixo acontecer.

Como surgiu o convite para o programa “Mulheres Ricas”?

Foi a “cuatro cabezas”(produtora) que me chamou. Em um primeiro momento eu tinha certeza de que eles tinham se enganado de pessoa. Eles já tinham fechado com a Narcisa e com a Val. Eu disse que não tinha o mesmo perfil que elas, mas era exatamente o que eles queriam. Uma pessoa diferente dessas mulheres. Podendo ser eu mesma, eu aceitei.

O programa foi sucesso de público. Como você está lidando com ele?

Pra mim foi normal, porque eu já tinha passado por isso. Eu não podia sair na época do fantasia, eu tinha que andar com segurança.

O programa teve momentos polêmicos. A Val disse em algumas entrevistas que havia “produção” que induzia algumas situações. Algo ali não era real?

Na verdade, essa historia de que é produzido, não é verdade. Se é um reality não pode ser produzido. O que acontece é que as pessoas sugerem, “vamos jogar tênis”, por exemplo, e alguém pode soprar no seu ouvido, se você jogar uma bolinha na cabeça da Val ela vai ficar brava. Como no BBB, eles não falam com as pessoas, mas eles sugerem.

Saiu na imprensa que todas se reuniram para assistir a final juntas, com exceção da Val. Por que?

É verdade, ela não foi convidada, assistimos juntas, nós tínhamos o pessoal.

Está uma verdadeira especulação se haverá ou não uma segunda temporada. Você toparia?

Pelo pouco que entendo de televisão e se fosse dono de uma emissora, eu produziria novamente pelo sucesso que foi. Mas agora, logo no começo me perguntaram se eu faria de novo e eu disse que não. Agora hoje, como já conheço e sei como lidar, faria sim. A Band ainda não tomou uma decisão oficial, pois a grade de programação está cheia.

A Narcisa é a mais distante, pois é a única a morar no RJ. Este é o único motivo pela distância e está tudo bem entre vocês?

Tudo ótimo com a Narcisa, ela á uma pessoa “super gracinha” e querida. O problema é a distancia, ela no RJ e nós em São Paulo.  A Val teve os problemas de convivência com todas as 4, menos com a Lydia, a que teve menos problemas.

Você mantém contato com as Mulheres Ricas?

Continuo com amizade com todas. Encontrei com a Val no programa do Silvio e a tratei com educação sem problema nenhum, mas não é minha amiga.

Está rolando um boato de que você posaria nua com a sua filha. Procede?

Isso foi uma sugestão de alguns jornalistas, se eu toparia fazer com a minha filha e eu disse que não. Não me sentiria bem. Se fossem edições separadas não vejo problema nenhum, desde que o cachê seja bom, tanto para mim quanto para ela, que é uma mulher bem sucedida. Só tive coisas boas da Playboy, a visibilidade… Devo tudo a Playboy. Eu somei, eu soube seguir e aproveitei as oportunidades.

E no futuro?

Estou na formula truck, temporada 2012.

Muito obrigado Debora pela entrevista e boa sorte na temporada 2012 da fórmula Truck.

Você pode mandar sugestões, criticas e elogios. Basta ir no twitter @marcussadok e falar comigo.

Quinta-feira o convidado da coluna é o cantor Naldo, eu invadi o camarim dele no RJ, até lá!

Marcus Sadok

 

%d blogueiros gostam disto: