Luana Piovani disse que a expectativa para o nascimento dos bebês já é grande

Aos três meses de gestação de gêmeos, a atriz Luana Piovani disse que a expectativa para o nascimento dos bebês já é grande e revelou que deseja ter um casal. “Estou na vibe de ser uma menina e um menino. Se for menina, pensamos em chamá-la de Aurora. Se for menino ainda não pensamos no nome”, contou em entrevista ao site ‘Ego’.

Foto: Reprodução/Instagram

Ainda no papo, a loira contou que deu a noticia da gravidez ao marido pelo aplicativo ‘WhatsApp’, que vibrou ao saber da novidade. Luana disse ainda que o filho ‘Dom’ está bem animado com os bebês e não tem demonstrado ciúmes.

Na quarta-feira (11), a artista mostrou a ultrassom dos bebês nas redes sociais.”Um bebezuco mostrando a cabecinha e o outro bebezuco exibindo a pancinha. #obrigadasenhor #gratidao #luacheia”, escreveu.

Uma imagem íntima compartilhada pelo surfista Pedro Scooby da mulher

Uma imagem íntima compartilhada pelo surfista Pedro Scooby da mulher, Luana Piovani, dividiu a opinião de internautas e provocou a ira da atriz. Scooby compartilhou uma foto nesta quinta-feira (8) em sua conta no Instagram em que a atriz aparece de lingerie. “Ô lá em casa”, escreveu o surfista na legenda da imagem.

Foto: Reprodução/Instagram

Após a publicação, alguns seguidores elogiaram o corpo da atriz, porém, outros criticaram a atitude do rapaz de divulgar imagens tão íntimas da esposa. “Para quê? Não me faça ter vergonha alheia”, escreveu uma seguidora. Outra seguidora defendeu: Não é uma lingerie transparente! Como vocês veem maldade em tudo!”.

Chateada com as críticas, Luana Piovani aproveitou para criticar a censura. “Ah suas chatas caretas! Acham que eu não sabia?! Pazzas! Cuidem da vossa vida e vão se chocar com os impostos no Brasil!”.

Luana Piovani fala de casamento apimentado e lembra foto nua na banheira

image

Luana Piovani sempre causa polêmicas nas redes sociais, seja por falar o que pensa, ou por aparecer em situações ousadas. Em entrevista à revista Contigo!, a atriz falou do seu casamento com Pedro Scooby.

“Pedro está vendo o quanto é importante ser criativo. Hoje, chego em casa, tem um vinhozinho na taça, ele já acendeu umas velinhas… Outro dia, ele fez uma trilha sonora chamada ‘Trilha de amor’. Eu falei: ‘Nossa, já estou entendendo o que você está querendo com isso’. Então, chego em casa com aquela trilha rolando, já até sei (risos)…”, entregou ela na entrevista à publicação.

Em julho, Scooby postou uma foto da mulher que deu o que falar. Os dois foram comemorar o primeiro ano de casados no hotel Fasano, no Rio de Janeiro, e o surfista compartilhou um momento íntimo da mulher, em que ela aparece na banheira como veio ao mundo, apenas com a espuma cobrindo-a.

“Eu simplesmente achei a foto linda, o momento era ótimo, e o Pedro perguntou se poderia postar. Não tenho problema com o meu corpo, sou atriz. Quem dá limite sou eu. Enquanto eu estou lidando com a minha imagem, ótimo. Só não aceito que outras pessoas invadam meu espaço e façam escolhas por mim”, comentou Luana, falando pela primeira vez sobre a polêmica imagem.

Luana e Pedro são pais de Dom, de dois anos.

“Pago um preço alto por ser verdadeira”, diz Luana Piovani

image

Atriz com um vasto currículo na TV e no teatro, Luana Piovani também foi manchete várias vezes por conta de sua sinceridade.

Com a popularização das redes sociais, a loira expandiu ainda mais sua fama. Em entrevista à revista “Contigo”, Luana reconheceu que não é nada fácil falar o que lhe vem à cabeça.

“Não tem nada a ver com o fato de ser famosa, mas pago um preço alto por ser verdadeira e muito ética. As pessoas não estão acostumadas com isso”, afirmou.

Aos 38 anos, a musa disse ainda que não passou por nenhuma crise da idade, que o tempo só lhe fez bem e que não pretende fazer plásticas para aparentar ter uma idade menor que a real.

“Não tenho medo de envelhecer. Acho que estou no lucro! Vou ser uma velha de 90 anos bonitona. Mas não pretendo, aos 90, tentar parecer com 60.”

VEJA: Luana Piovani chegando em casa com o filho pela primeira vez

Luana Piovani (Foto: Twitter/Reprodução)

A atriz Luana Piovani, chegou em casa pela primeira vez com seu filho Dom.

A foto foi postada no twitter da atriz.

Felicidade.

Luana Piovani aparece grávida no próximo episódio de “Mulher Invisível”

https://i2.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20111110162550.jpg

Grávida de cinco meses na vida real, a atriz Luana Piovani também esperará um filho na série “Mulher Invisível”, da Globo.

Porém, tudo será diferente. Em sua vida, Luana está curtindo a gravidez ao lado de seu marido, o surfista Pedro Scooby, e aguarda ansiosamente a chegada de Dom.

Inclusive, na última segunda (7), ela usou o Twitter para revelar que engordou 9 quilos. “Puxão de orelha da médica, engordei nove quilos em cinco meses de gravidez! Meu nome agora é Luana Boluda Piovani. Acabou pão e arroz”, escreveu.

Já na série, Pedro (Selton Mello) sofrerá com Amanda (Piovani) grávida.

Clarisse (Débora Falabella) quer muito ter um filho e o marido se esquiva, repudiando a possibilidade. Já a mulher invisível acaba engravidando sem desejar.

Com essa situação, Pedro irá consolar Amanda e fará o possível para que Clarice não descubra que sua “concorrente” conseguiu o que ela tanto queria.

O episódio vai ao ar na próxima terça (15), a partir das 23h05, na Globo.

Com informações do site NaTelinha

Luana Piovani diz que Lula deveria se tratar no SUS

Luana Piovani decidiu se manisfestar contra o Sistema Único de Saúde (SUS). Para tal, a atriz global decidiu usar a imagem do ex-presidente Lula, que está lutando contra um cancêr na laringe, no seu twitter. Foi na tarde desta segunda-feira, 30, que Luana não teve papas na língua ao ser questionada sobre se tinha lido alguma notícia revoltante no jornal: “Hoje até que não, mas o Lula com câncer, deveria se tratar no SUS! Ah isso devia!! Fica sempre se gabando que a saúde aqui melhorou, pode!?”, disse.

O argumento da atriz, que está grávida de seu primeiro filho, gerou bastante insatisfação, mas, mesmo assim, ela continuou mantendo a sua posição.

“Respeito? E o respeito dele com a população?? Você lê jornal?? Só disse que ele deveria usar o que oferece e isso lá é falta de respeito?”, disse Piovani ao ser criticada.

Por Rodolfo Carvalho

Segunda temporada traz novos dilemas para Pedro, Amanda e Clarisse

A Mulher Invisível Papel de Parede

A segunda temporada da série A Mulher Invisível estreia no dia 01/11 e traz oito novas histórias do cotidiano amoroso de Pedro (Selton Mello), Amanda (Luana Piovani) e Clarisse (Débora Falabella). A trama volta à TV ainda mais divertida e com participações especiais como as de José Wilker, Louise Cardoso e Irene Ravache, que interpreta a mãe de Pedro.

Na nova fase do seriado, a personalidade do trio não muda, a novidade é que as histórias não giram mais em torno de Clarisse aceitar a presença da mulher invisível, já que a esposa de Pedro teve um encontro emocionante com Amanda. “Ela só viu a Amanda naquele momento, que era um período de mudança para todos eles. Agora as atitudes da Clarisse em relação à Amanda e ao Pedro mudam. O trio já está estabelecido e as histórias já não têm mais tanto a ver com a aceitação da Amanda”, conta Débora Falabella.

Pedro, Amanda e Clarisse passam por situações inusitadas que os levam a crer que nem mesmo no mundo da fantasia as pessoas são perfeitas. “Acho que a questão central da temporada é que todos temos defeitos e precisamos aprender a conviver com eles. A própria Amanda, que veio para satisfazer uma fantasia do Pedro, não é perfeita e dá muito trabalho. Eu acho que aos 35 anos eu consegui entender que os defeitos fazem parte, que todos temos e que é melhor tê-los porque assim nos igualamos”, diz Luana.

Dos oito episódios, três são dirigidos por Carolina Jabor, dois por Claudio Torres e três por Selton Mello,que dirigiu um dos episódios da primeira temporada. “Atuar e dirigir é uma adrenalina ainda maior, e nesse projeto eu me sinto em casa. Eu não poderia ter uma oportunidade melhor para dirigir para a TV”, diz Selton.

Não perca a estreia da série no dia 01/11, logo após Tapas e Beijos!

Com informações do site da Rede Globo

Pedro Scooby, o namorado de Luana Piovani, tira a roupa para revista. Fotos

Renata Abreu/Vizoo

Pedro Scooby, o namorado de Luana Piovani, posou completamente nu para um ensaio para a revista “Vizoo” deste mês. O rapaz, que é surfista, tirou toda a roupa em plena praia de Ipanema, uma das mais famosas do Rio. As fotos foram feitas pela manhã.

Renata Abreu/Vizoo

Na entrevista à revista, Pedro se definiu como casado e falou que ele e Luana pretendem oficializar a situação: “Eu já sou um cara casado. Vai ter cerimônia, sim, mas a gente não vai divulgar. Vai ser só pros amigos, para os mais íntimos. Queremos uma coisa só nossa”, revelou.

Com informações do site EGO

Selton Mello se casará em cena. Com duas noivas. Veja a foto

Cenas de casamento são comuns na televisão, agora, convenhamos, uma cerimônia com duas noivas não se vê todo dia. Mas é o que vai acontecer no próximo episódio de “A mulher invisível”. Pressionado por Clarisse (Débora Falabella), sua namorada real, Pedro (Selton Mello) vai acabar oficializando a relação de cinco anos.

Só que a mulher imaginária, Amanda (Luana Piovani), vai exigir o mesmo tratamento. Depois de muita confusão e tentando administrar as vontades das duas, Pedro vai parar no altar com as duas.

A cena está prevista para ir ao ar dia 21.

Luana Piovani faz desabafo sobre encontro com Dolabella e critica polícia

Luana chama a  polícia  por causa de Dado Dolabella

Luana chama a polícia por causa de Dado Dolabella

Luana Piovani voltou a lembrar o reencontro que teve com Dado Dolabella em um restaurante do Rio de Janeiro.

A atriz usou seu blog para comentar a situação e se mostrou indignada com o descumprimento de uma determinação judicial.

“Eu vivi um episódio constrangedor semanas atrás. Denunciei meu agressor, por novamente, descumprir as medidas protetivas e sabem quais foram as providências tomadas? As mesmas da tragédia anterior narrada”, escreveu ela referindo-se a um caso que tinha acabado de contar de uma mulher que foi espancada na rua pelo ex-marido e, mesmo com a chegada da polícia, não recebeu qualquer proteção.

De acordo com a artista, na noite em que dividiu o mesmo espaço com o ex-namorado, a polícia afirmou que não poderia fazer nada por ela.

“Disseram que eu devia era andar com o processo em mãos para numa próxima, quem sabe, eles cumprirem a lei que manda ser levado para a delegacia o agressor que descumpre medidas protetivas”.

Piovani contou ainda que Dado foi orientado a deixar o local, já que ela chegou antes, mas logo depois estava lá de novo. “Ele saiu, os policiais partiram e em menos de 3 minutos já estava de volta ao mesmo lugar, ou seja, próximo a mim, sob aplausos. E aí? E aí Sérgio Cabral? E aí Alckmin? Até quando a polícia terá atitudes como essas? Até quando não haverá cidadania?”, questionou.

Com informações do Portal EBand.

Luana Piovani afirma que está solteira

FAMOSIDADES

Em sua estreia como apresentadora no programa “Superbonita”, Luana Piovani confessou estar solteira. A atriz deu dicas de beleza. E sobre casais que se cuidam juntos, declarou: “Eu não tenho namorado. Mas acho bacana um casal, por exemplo, ir a um spa juntos”.

Ih, parece que os rumores sobre a separação de Luana e Felipe Simão eram reais.

Mesmo assim, a atriz não perdeu o bom humor durante as gravações do piloto de seu novo programa. E olha que o clima não era muito favorável: a atração foi filmada sob um sol de rachar.

Luana deu um conselho para enfrentar a situação: “Não ando sem protetor labial, tenho um em cada bolsa. Mas não é manteiga de cacau, que resseca o lábio.”

Protagonista do SBT começou em Sandy & Junior na Globo

Protagonista do SBT começou em Sandy & Junior na GloboEstá definida a protagonista da nova novela de Tiago Santiago no SBT, “Amor & Revolução”. Após sondarem atrizes globais, como Ana Paula Arósio e Luana Piovani, a seleção ficou entre oito atrizes.

Dayane Mesquita, que já esteve na emissora protagonizando “Vende-se um Véu de Noiva”, não passou nos testes, mesmo sendo a favorita para o papel.

No duelo, a ex-Sandy & Junior, Graziella Schmitt venceu as concorrentes e foi contratada pelo canal. Ela viverá par romântico com o ator Cláudio Lins. Mais nomes ainda estão sendo sondados. Para o autor, ainda faltam nomes de peso.

Mulher de Dado Dolabella pede separação alegando agressões

Segundo Viviane Sarahyba, o casamento foi marcado por agressões físicas

O ator Dado Dolabella, condenado por ter agredido a então namorada Luana Piovani, em 2008

Dezesseis dias depois de ser condenado a 2 anos e nove meses de prisão em regime aberto por agredir fisicamente a atriz Luana Piovani, no dia 22 de outubro de 2008, numa boate do Rio de Janeiro, o ator Dado Dolabella dispara na dianteira pelo título de Mel Gibson brasileiro.

A publicitária Viviane Sarahyba, com quem Dado estava casado desde setembro do ano passado, deu entrada num processo na 1º Vara de Família do Rio de Janeiro, pedindo a separação conjugal. Segundo Viviane, ela era constantemente agredida fisicamente durante o período em que permaneceu casada com Dado.

A juíza Maria Cristina Brito de Lima determinou que Dado deve retirar-se do apartamento onde mora com Viviane levando consigo apenas documentos e objetos de uso pessoal. A meretíssima justificou a decisão com o que chamou de “farta documentação que comprova que a autora (Viviane) vem sofrendo agressões físicas”. A determinação deve ser cumprida de imediato.

Dado e Viviane têm um filho, o segundo do ator, que descobriu, quando já estava casado com a publicitária, que era pai de outra criança de 4 meses, fruto de um relacionamento efêmero. Eles estavam casados há onze meses, desde que Dado deixou o reality show A Fazenda, da TV Record, em que ganhou 1 milhão de reais.

Fonte: Veja

Segundo Viviane Sarahyba, o casamento foi marcado por agressões físicas

“Estou muito satisfeita”, garante Luana Piovani sobre condenação de Dado Dolabella

luana piovani

Depois de passar 20 dias de férias fora do país, Luana Piovani participou do aniversário de 25 anos de Criança Esperança, e fez sua primeira declaração pública sobre o julgamento do ex-namorado Dado Dolabella. “Não sou juíza, sou apenas a vítima”, afirmou a atriz sobre a condenação do ator por dois anos e nove meses por agressão física, em 2008.

“O que me restava era esperar pacientemente e agora estou satisfeita e feliz por encerrar esse episódio, finalmente me livrei dessa história”, anuncia e já se adianta: “O que ele disse não vou fazer comentário”, se referindo à declaração que Dado fez no Twitter (“A minha maior sentença foi namorar ela”).

“Sou virginiana, gosto de começar e terminar ciclo”, finaliza Luana, que também divulgou a estreia do filme “Família Vende Tudo”, com previsão para janeiro de 2011 e projetos como “Mulher Invisível 2”, a adaptação do livro de Nelson Motta, “Bandidos e Mocinhas”, além de turnê da sua peça “O Soldadinho e a Bailarina” pelo Brasil.

Fonte: Babado

Luana Piovani

Imagem: Divulgação/Nana Moraes

FAMOSIDADES – De onde surgiu a idéia de montar “O Soldadinho e a Bailarina”?

LUANA PIOVANI – Não existe um processo de escolha. Quando eu estou em cartaz com uma peça, algumas idéias vão surgindo. Mas o que foi fundamental na escolha desse texto é que eu acho importante é que, por meio de uma peça, as crianças vejam que o Perneta [soldadinho de uma perna só] é o grande herói e a paixão da bailarina, o brinquedo mais cobiçado do quarto. Vão entender que somos todo iguais por sermos diferentes. Essa é a mensagem que eu quero passar para eles.

Teve algum contato com o balé antes ou descobriu agora?

Nunca. Eu fiz aula de jazz, mas o balé eu só descobri agora, aos 33 anos. Nunca tinha feito uma aula. No começo, meu pé doía muito, o corpo todo doía. E olha que eu nunca fui sedentária. Mas o corpo acostuma. Eu jamais havia penando em ser bailarina.

No espetáculo você canta. Como foi essa experiência?

Quando eu soube que teria que cantar, bateu aquela insegurança. É algo que faço há pouco tempo. É estranho quando ouço minha voz gravada. Mas eu fui tão bem assistida que não tive o que temer. Tudo me incentivou muito. Os arranjos foram feitos de forma que eu pudesse me sentir uma cantora de verdade. Tudo muito maravilhoso.

Pensa em fazer um musical?

Antes de passar por essa experiência com o canto na peça, já havia despertado em mim o desejo de fazer um musical. Essa vontade ficou muito mais forte agora. E meu próximo projeto será um musical.

Mas será um musical infantil?

Não. Será um musical adulto. Já escolhi o texto, vou produzir também. Mas ainda é cedo para falar sobre um novo projeto porque “O Soldadinho e a Bailarina” ainda tem um longo caminho pela frente.

Em que momento você decidiu focar sua carreira para o público infantil?

Quando eu produzi a minha primeira peça, eu já pensava em fazer um infantil. Acho linda a história do “Pequeno Príncipe”. Achava importante passar aquela lição para as crianças, sabe. Falta cultura para grande parte das crianças do nosso país. Lê-se muito pouco. É preciso investir nelas, em educação, em cultura. Porque a educação que cria uma nação.

E como foi essa descoberta?

Eu achei peculiar a maneira como as crianças se expressavam. É gostoso, é sincero. Eu adoro a interação deles com o espetáculo. Eles gritam, querem avisar… elas são parte do espetáculo. E você precisa estar atenta o tempo todo. É exercício de concentração divertido, elas não interrompem, elas interagem.

Quando você estava em cartaz com o monólogo “Pássaro da Noite”, você declarou que a peça era um desafio para você e para a sua carreira. O que mudou de lá pra cá?

Realmente foi um divisor de águas. Depois dele, eu me sinto preparada para fazer qualquer coisa, qualquer clássico. Eu me desafiava no palco todos os dias. Foi uma experiência avassaladora. Eu cresci muito como profissional.

E no cinema, você vai mesmo fazer “Mulher Invisível 2”?

Vou. Eu, Selton [Mello], toda a equipe de novo. Mas gravações começam só no ano que vem.

Dizem que você também vai estar na adaptação para o cinema de um livro do Nelson Motta. É verdade?

É. Mas é só para o ano que vem também.

                                                                           Imagem: Divulgação/Nana Moraes

 

Atualmente, você está gravando o seriado “Na Forma da Lei”. Como é a sua personagem?

Eu faço a Gabriela, uma delegada federal. Ela é casada, tem filhos, é honesta, íntegra. É uma nova profissional que tenta enquadrar o protagonista da série, interpretado pelo Márcio [Garcia].

Você fez algum tipo de laboratório, alguma preparação para a personagem?

Eu fiz aulas de tiro e tática militar. Foi muito puxado, muito cansativo. Eu tive muita dificuldade com a arma. Eu achava que o festim ia machucar, sofri muito com o barulho. Me incomodava. Me assustava. Mas quando tivemos que gravar, tudo passou. Eu consegui gravar e depois da primeira cena, fluiu e foi tudo tranquilo.

Oque te levou a aceitar esse papel?

Muita coisa. Deu para conciliar as gravações com a peça. Foi um convite do Wolf [Maia, diretor do seriado], eu tenho o maior carinho por ele, que me esperou para dar início ao projeto. E tem também a possibilidade de mostrar que é possível melhorar o lugar em que se vive. O seriado fala da vontade desses jovens profissionais que querem fazer a diferença.

Dezoito anos depois, você volta a participar de um projeto de Antônio Calmon. Como foi esse reencontro?

Quem proporcionou esse reencontro foi o Wolf. Foi ele que me chamou para o papel. Mas eu estava com saudade de trabalhar com o Calmon. Meu primeiro papel foi em um trabalho dele [na minissérie “Sex Appeal”]. Eu era tão novinha. É maravilhoso faze um texto dele novamente.

Se eles te convidassem para fazer uma novela, você toparia?

Eu adoraria fazer uma novela. Mas ela toma um ano da sua vida, são 12 meses de dedicação. É muito tempo. Quando eu penso nisso, eu desisto de fazer novela. Porque eu estou muito envolvida com o teatro e fica difícil conciliar.

Em uma entrevista você declarou que “as pessoas têm uma imagem completamente diferente de mim”. Quem é a Luana Piovani?

Eu sou alegre, otimista, dedicada, batalhadora. Sou alguém que ama o teatro, sou simpática, feliz. Sou humilde, sou simples pra caramba.

Você se acostumou a lidar com o assédio da imprensa?

Eu fiquei famosa aos 16 anos, se passaram quase 20 anos. É impossível não aprender nada depois de tanto tempo. Eu aprendi a lidar e a conviver com isso. Acostumar eu não acostumei. Mas não me incomoda mais não.

É difícil manter um relacionamento sendo uma pessoa famosa?

É difícil manter um relacionamento na vida. Seja você famoso ou não. Seja um namoro, amizade, relacionamento familiar. A convivência entre duas pessoas é muito complicada. Agora, ser famosa só amplia isso. Os meus relacionamentos são iguais ao de todo mundo.

E você está mesmo solteira? Terminou pra valer com o Felipe Simão?

Estou. Estou solteira. Solteiríssima.

Por : Famosidades

%d blogueiros gostam disto: