Destaques: O Câmera Record desta semana viaja até o México, sede dos Jogos Panamericanos

Rituais, superstições, comidas exóticas. O Câmera Record desta semana viaja até o México, sede dos Jogos Panamericanos, que em outubro vai ter cobertura exclusiva da Rede Record. 

Misticismo e alegria. No México, a morte não provoca medo. Lá, o “fim da linha” é celebrado com grandes festividades, em homenagem aos mortos.

Fomos até a Cidade das Múmias: um lugar intrigante, a 400 quilômetros da capital do país. Guanajuato tem tantas múmias, que lembra a arqueologia egípcia. 
Outra parada é na Ilha das Bonecas: um local bizarro, repleto de histórias de fantasmas. Uma ilha isolada com mais de mil bonecas penduradas pelas árvores e apenas um morador. Um ambiente sinistro, de provocar arrepios nos visitantes. 
Tem ainda as incríveis belezas naturais. Os canais de Xochimilco compõem um verdadeiro cartão postal, com muita música e animação. O local é conhecido como a “Veneza Mexicana”.
Um clima de festa que chega a lembrar o nosso carnaval. Fantasias coloridas e ritmo empolgante. São homens, mulheres e crianças, todos comprometidos em preservar as tradições aztecas.
Cores, aromas, sabores… e insetos. Em um dos mercados públicos mais tradicionais do México, é possível comprar ovos de mosca, larvas e insetos em geral, usados na confecção de pratos típicos. 
E em clima de Jogos Panamericanos, uma história de superação. A mulher que nasceu sem os braços e desenvolveu habilidades incríveis com os pés. Ela leva uma vida normal: faz a própria maquiagem, coloca o cinto de segurança e consegue 
até costurar com os pés. 

Essas e muitas outras história curiosas, você não pode perder nesta sexta-feira, às 23h, logo após a novela Ribeirão do Tempo.

Com informações da Rede Record

%d blogueiros gostam disto: