São poucas chances do SBT vender horário para as igrejas


Silvio Santos não quer vender horário para igrejas, mas pode ser forçado a vender (Foto Reprodução – 08/05).
Há um grande interesse de produtoras independentes em ter espaços na grade do SBT. Poré, poucas chances de isso acontecer. As determinações de Silvio Santos não apontam para isso.

A crise no banco PanAmericano que resultou a sua venda, além de ser uma empresa importante para o Grupo Silvio Santos era um dos principais patrocinadores da TV.

O grande assédio das instituições religiosas de uma certa forma, força Silvio a decidir se quer vender ou não.

Rombo no “Domingo Legal” passa de R$ 1 milhão; emissora nega

Orombo encontrado por auditoria nos borderôs do programa “Domingo Legal”, do SBT, passa de R$ 1 milhão. O problema ocorreu no quadro “Construindo um Sonho”, justamente a principal atração e responsável pelos picos de ibope do programa.
O “Construindo um Sonho” é um quadro-reality no qual a produção constrói ou reforma casas de pessoas necessitadas, escolhidas por carta. O rombo foi encontrado na relação de serviços prestados por terceiros, na compra de materiais de construção e objetos de decoração que não foram utilizados. Não ao menos nos imóveis participantes do quadro.

O rombo foi localizado por causa da devassa que auditores estão fazendo no Grupo Silvio Santos desde o final do ano passado, quando ocorreu a quebra do banco Pan Americano, devido a uma grande fraude contábil.

Procurado, o SBT não confirmou o rombo ou seu valor, mas negou que a demissão de quatro pessoas na produção do “Domingo Legal”, decididas nas últimas 72 horas, tenham qualquer relação com o suposto desfalque.

“As demissões fazem parte de um processo de reestruturação do programa”, disse a emissora na tarde desta quinta-feira, por meio de sua assessoria de Comunicação.

Um dos demitidos na “reformulação” é parente do diretor do programa, Roberto Manzoni, mais conhecido como Magrão –que não foi envolvido e permanece no posto.

O apresentador Celso Portioli não tem relação com a operação até aqui suspeita. O SBT confirma que ele permanecerá à frente do “Domingo Legal” reformulado também.

O quadro “Construindo um Sonho” estreou no SBT com Gugu, em 2008. Assim como outros, como atração semelhante do “Caldeirão do Huck” (Globo), inspira-se em “Extreme Makeover”, que estreou em 2003 na rede norte-americana ABC. 

Com informações da Folha de São Paulo.

Silvio Santos salva SBT de possível leilão

Silvio Santos vendeu o Banco PanAmericano. O apresentador confirmou, na noite desta segunda-feira (31), que a empresa pertence agora ao BTG Pactual. O grupo adquiriu 37,64% do banco, sendo 51% das ações ordinárias e 21,97% das preferenciais, por 450 milhões de reais.

“Não podia deixar de vender o banco. Porque o meu banco não deu prejuízo pra ninguém. O meu banco teve um bom comportamento. Talvez tivesse sido mal administrado, e essa má administração provocou aquilo que todos vocês conhecem (…) Não ganhei nada, não perdi nada”, declarou aos jornalistas.

Silvio afirmou que não possui mais nenhuma dívida junto ao Fundo Garantidor de Créditos (FGC) e deixou claro que não tem a intenção de se desfazer do SBT.

ENTENDA O CASO

Em outubro de 2010, o Grupo Silvio Santos, através do banco PanAmericano, contraiu uma dívida de 2 bilhões e 500 milhões de reais para salvar a empresa de uma eventual falência.

O banco mantinha em seu balanço, como ativos, carteiras de crédito que já haviam sido vendidas a outros bancos. Também houve duplicação de registros de venda de carteiras e, com isso, o resultado era inflado.

O SBT, Jequiti, Lojas do Baú, Liderança Capitalização e outras 40 empresas ficaram como garantia caso a dívida não fosse paga. Na pior das hipóteses, elas corriam o risco de ser leiloadas.

Portal PS

Em meio a crise, SBT perde afiliada de Campinas (SP) para a Record

O SBT acaba de perder uma de suas afiliadas no interior de São Paulo.

A TV Brasil, de Campinas, resolveu passar a retransmitir o sinal da Record.

A troca ocorre em meio à crise nas empresas do Grupo Silvio Santos, que fez um empréstimo bilionário para cobrir um rombo no banco PanAmericano.

Segundo a afiliada, que pertence ao ex-governador Orestes Quércia, a saída da rede do dono do baú não tem a ver com os problemas financeiros de Silvio Santos.

A negociação com a emissora do bispo Edir Macedo já estava ocorrendo há meses.

A informação é da coluna Mônica Bergamo, publicada na Folha desta terça-feira (30).

Silvio Santos não morreu!

ACESSE SEMPRE: https://ocanal.wordpress.com/

A morte do mais rico apresentador do SBT foi anunciada pela sensitiva Márcia Fernandes, que previu em 2009 a morte de Silvo Santos para o ano de  2010; porém, o Senhor Abravanel conseguiu desmascarar a sensitiva com apenas um ato; o ato de continuar vivo!

* Vamos lembrar essa história:

Durante o programa vespertino da TV Paraná Educativa “Alegria da Tarde”, entre os comentários sobre a morte do Locutor Lombardi, a sensitiva Márcia Fernandes afirmou:

– Silvio Santos é o próximo a nos deixar.

A ‘vidente’ explicou que é um circulo que está se fechando na vida de Silvio Santos.

“É muito difícil para eu dizer isso, mas sinto que o Silvio pode ser o próximo a nos deixar. Na paranormalidade nós explicamos isso como um anúncio da morte, o que significa que quando pessoas ao nosso redor morrem é uma espécie de aviso. Na última semana Silvio perdeu seu advogado tragicamente e agora seu fiel parceiro de trabalho Lombardi, esse é o aviso.”, explicou ela.

Perguntada sobre uma possível data para que isso aconteça, Márcia foi enfática e não economizou tempo:

“Em Janeiro de 2010, Silvio fará uma viagem. Após algumas semanas já de volta ao Brasil… Bem, prefiro não, não anunciar. Mas os fãs e o público precisam se preparar.”, disse.

Pois é. Silvio Santos não morreu e se mostra completamente vivo e ativo em seus negócios; agora resta saber se mais alguém vai brincar com os sentimentos das pessoas dando palpites sobre  futuras mortes.

Diz aí: Você acredita nessa tal  “previsão de morte”?

Parentes de Silvio e Íris serão demitidos do Grupo SS

A fraude bilionária que pôs abaixo o império construído por Silvio Santos nos últimos 50 anos vai  provocar a demissão de ao menos 40 parentes do empresário e de sua mulher dentro do Grupo SS.

Silvio tomou a decisão de por fim ao “nepotismo” no Grupo SS anteontem, em reunião com seus advogados. A equipe teria concluído que a colocação de parentes em altos cargos de direção e confiança foi o principal motivo para que a fraude ocorresse.

A única empresa do grupo que deve escapar do “corte de parentes” deve ser justamente o SBT.

Na emissora trabalham hoje, entre outros, em cargos de direção, um sobrinho de Silvio Santos, Guilherme Stoliar, e seu primo Leon Abravanel. Ambos têm sido ouvidos pelo empresário e acompanhado as investigações.

Revolta

Segundo Ooops! apurou, a revolta maior com o escândalo de R$ 2,5 bilhões que praticamente quebrou o Pan Americano  tem sido das filhas da mulher de Silvio Santos, Íris. A mais ressentido é uma das filhas do empresário, Patrícia (seqüestrada em agosto de 2001), chegou a trabalhar diretamente com Rafael Palladino, até então presidente do banco.

Silvio se reunirá com diretores,  gerentes e elenco do SBT a partir desta segunda-feira, com o objetivo de acalmar os funcionários, temerosos com os desdobramentos do escândalo.

Fonte: Ooops! – UOL
Ricardo Feltrin

%d blogueiros gostam disto: