Em crise, Band confirma saída de Luiz Bacci e Silvio Santos pensa em seu retorno

Luiz Bacci está fora da Band, onde vinha apresentando a edição nacional do “Café com Jornal”. A informação foi confirmada pela assessoria da emissora.

A Band vem enfrentando uma forte crise e cortando diversos gastos, demitindo profissionais e extinguindo programas na sede de São Paulo e também em filiais.

O primeiro cancelado foi o “Agora é Tarde”, de Rafinha Bastos. O talk-show, que iria até o dia 10 de abril, teve seu fim antecipado para ontem, saindo no ar sem despedidas. No Rio, os programas “Jogo Aberto RJ”, “Os Donos da Bola RJ” e “Brasil Urgente RJ” foram cortados, mantendo apenas o “Jornal do Rio”. Além desses, a Band deve cortar ainda 200 funcionários.

Segundo o colunista Flávio Ricco, no caso de Luiz Bacci, agora a Band terá que resolver a sua rescisão contratual, com multa de R$ 10 milhões. As partes negociam um valor diferenciado.

Bacci chegou na emissora dos Saad em maio do ano passado, quebrando contrato que tinha com a Record por causa do sonho de comandar um programa de auditório, com salário de R$ 300 mil mensais.

Estreou o “Tá na Tela” em agosto, mas por falta de anunciantes, de acordo com a Band, saiu do ar em dezembro, ingressando no “Café com Jornal”. Ele também havia recebido a promessa de um game-show aos domingos, que não saiu do papel.

Sobre o futuro…

Nos bastidores do SBT, o nome do apresentador é considerado um bom nome para assumir o Notícias da Manhã. A audiência tem sido baixa após a saída de César Filho para a Record, segundo o blog do jornalista Fernando Oliveira.

A Record, no entanto, não pensa em uma volta do jornalista. A rede de Edir Macedo entrou na Justiça para cobrar uma multa de Bacci, que rompeu contrato em maio de 2014 para mudar para a Band dois meses após renovar o vínculo.

Agora, o destino do apresentador pode ser uma volta à Record, apesar da emissora estar na Justiça cobrando a multa pela quebra em 2014. Nada que não se possa negociar.

Real Time – SP / SBT toma a vice da Record e RedeTV! passa Band

audic3aancia-da-tv

20h41

:globo: 22,7 :sbt: 8,7 :record: 7,5 :redetv: 2,6  :band: 0,9

Cláudia Abreu cria e dirigirá série para canal infantil da Globo

Longe das novelas desde “Geração Brasil” (2014), Cláudia Abreu tem trabalhado numa série para a TV paga.

A atriz tem integrado a equipe de roteiro de “Medo Algum”, do Gloob, segundo informações da colunista Patrícia Kogut. Ela também está cotada para dirigir a série, com produção da Zola e roteiros de Flávia Lins e Silva. O programa infantil será todo realizado com atores reais, diferente de outras produções do canal pago.

A história gira em torno dos medos mais comuns entre as crianças. No ano passado, Abreu voltou a trabalhar com esse público no teatro, interpretando a fantasma Pluft, em peça homônima.

João Kléber renova com a RedeTV! por dois anos: “É uma honra permanecer”

Apresentador dos programas “Teste de Fidelidade”, “Você na TV” e “Te Peguei na TV”, João Kléber acaba de renovar o seu contrato com a RedeTV!. 
João, que tinha vínculo até este ano, acaba de assinar um novo contrato, válido por dois anos. Ou seja, ele é exclusivo da emissora de Amilcare Dallevo e Marcelo de Carvalho até 2017. O contrato foi assinado na manhã desta quarta (04).
 
O vice-presidente da emissora, Marcelo de Carvalho, comentou os motivos que levaram a RedeTV! a renovar o vínculo com João: “O João é bom de audiência e faturamento. O ‘Você na TV’ está diariamente à frente da emissora concorrente e lotado de anunciantes. Além do que, o João é um ser humano maravilhoso”. 
 
Já João Kléber comenta que está honrado em continuar no canal que considera a sua casa: “É uma honra permanecer na família RedeTV! e poder comandar programas da emissora, onde me sinto como se fosse a minha casa”. 
 
João Kléber é dono não só das duas maiores audiências da RedeTV!, com o “Teste” e o “Te Peguei na TV”, como também não é raro ser o maior Ibope diário do canal com o seu matinal, que chega a picos de até 3 pontos. 

“Pânico na Band” contrata Tiririca para tentar controlar crise

humorista cearense e deputado federal Francisco Everardo Oliveira Silva (PR-SP), oTiririca, assinou com a Band e se tornará o novo integrante do programa “Pânico”, segundo confirmou a assessoria de imprensa da emissora.

O colunista Flávio Ricco, inclusive, ressalta que ele será uma das principais atrações no dia de retorno do programa, confirmado para o dia 22 de fevereiro.

A participação de Tiririca será limitada a dois quadros por edição, considerando os compromissos políticos do deputado, que cumpre segundo mandato pelo Partido da República (PR) de São Paulo.

De acordo com o Terra, um comunicado afirma que o humorista assinou contrato com a Band na última segunda-feira, 2, e que já está disponível para iniciar a gravação dos quadros.

“Para nós do Pânico é uma honra poder contar com o apoio e o talento do humorista mais carismático do Brasil! Será um sucesso, vamos unir dois fenômenos em um casamento só: Pânico e Tiririca!”, declarou o diretor Alan Rapp ao Uol.

A produção do programa também destaca que a participação do humorista ficará restrita à seu personagem e, em momento algum, será citado o seu cargo na câmara dos deputados.

Não há informações quanto à participação de Tiririca durante as exibições, ao vivo, do Pânico na Band, sempre realizadas aos domingos.

Tiririca estava afastado de uma vida regular na televisão desde 2011, quando integrava o “Show do Tom”, na Record, e havia manifestado anteriormente a sua vontade de voltar a ser palhaço.

“O Carmo beija muito bem”, diz Maria Ribeiro sobre colega de “Império”

Maria Ribeiro e Jean Wyllys são convidados do "Altas Horas"

Convidada do “Altas Horas” que vai ao ar no próximo sábado (7), a atriz Maria Ribeiro elogiou o parceiro de cena, Carmo Dalla Vecchia. Colegas em “Império”, os dois participaram da discussão que envolvia um aspecto que sempre provoca curiosidade na carreira de ator: o beijo técnico.

Maria, a Danielle da trama de Aguinaldo Silva, foi enfática: “Não existe beijo técnico”. E a atriz ainda completou, em tom de brincadeira: “E o Carmo beija muito bem!”. A pedido do apresentador Serginho Groisman, os dois ainda revelaram com quem trocaram seus primeiros beijos na ficção. Carmo, que vive o vilão Maurílio no horário nobre, estreou com Natália Lage. Já a primeira vez de Maria foi com o ator José de Abreu.

Titãs, Capital Inicial e Banda Malta são as atrações musicais do programa, que recebe ainda o deputado Jean Wyllys, que cai numa pegadinha do humorista Rudy Landucci, e a ex-ginasta Laís Souza, que conta como está sendo a recuperação de seu acidente. “Se eu pudesse classificar, diria que estou na competição da minha vida, e eu vou ganhar”, afirmou. 

Com Dilma, Globo sofre derrota histórica para Gazeta e vira piada

gazeta
A Globo viveu um momento histórico nesta quinta-feira (1º), e não foi necessariamente a posse de Dilma Rousseff. Durante a transmissão do início do segundo mandato da presidente da República, a emissora perdeu pela primeira vez no período da tarde para a Gazeta, que mal chega a 1 ponto no Ibope em dias comuns e liderou durante alguns minutos com a reprise do programa Mulheres. Nas redes sociais, a emissora nanica tirou sarro da Globo.
Às 16h13, a Gazeta marcou 4,5 pontos na Grande São Paulo com os melhores momentos do programa Mulheres. A Globo, com a transmissão da posse de Dilma sob o comando de Alexandre Garcia e Heraldo Pereira, marcou 4,2, segundo dados preliminares da Grande São Paulo. Antes da ultrapassagem, as duas emissoras estavam empatadas há pelo menos dez minutos.
Única emissora a ignorar a posse da presidente, a Gazeta liderou quando Leão Lobo quebrava pratos com a foto de famosos (versão do quadro do chapéu de Raul Gil), enquanto Dilma Rousseff terminava seu discurso no Congresso Nacional. Às 16h19, a distância aumentou: Gazeta com 4,4 e Globo com 3,7. Às 16h37, o Mulheres marcava 4,5 pontos, contra 3,8 da posse de Dilma. No minuto seguinte, a Globo retomou a liderança.
No total, a Gazeta ficou na liderança durante dez minutos não-consecutivos. No Twitter, #GazetaPrimeirona e “TV Gazeta” viraram os assuntos mais comentados, e o perfil oficial da emissora nanica provocou a Globo com piadas sobre a liderança.
“Valeu, Dilma!”, publicou a Gazeta no Twitter. “Então é assim que o ‘xoxo’ (social) media da Globo se sente quando faz um tuíte?”, cutucou. A emissora chegou a lembrar o slogan do SBT no início dos anos 2000: “Na nossa frente, só você”.
Segundo dados preliminares, a posse de Dilma Rousseff registrou 7,4 pontos na Globo. O SBT marcou 2,8 e a Record, em terceiro, 2,3. A Gazeta ficou em quarto lugar, com 1,6, à frente da Band (0,9). Cada ponto equivale a 65 mil domicílios na Grande São Paulo.
%d blogueiros gostam disto: