Confira o elenco da nova novela das nove, “Em nome do Pai”

Com estreia prevista para junho, “Em nome do Pai” título provisório da primeira novela da Walcyr Carrasco, já tem seu elenco definido. A trama se desenvolverá a partir da disputa pelo controle de um hospital. Nos papéis principais estão Antônio Fagundes, Susana Vieira, Malvino Salvador, Paolla Oliveira, Mateus Solano e Elizabeth Savalla. Sendo ao todo 70 personagens

Confira os atores e atrizes escalados para a nova novela:

Adriano Motta, Álamo Facó, Anderson Di Rizzi, André Garolli, Angela Rebelo, Antônio Fagundes, Ary Fontoura, Bárbara Paz, Bel Kutner, Bruna Linzmeyer, Bruno Bianchi, Bruno Fadelli, Caio Castro, Camila Chiba, Camila Czerkes, Carolina Kasting, Caroline Rainato, Celso Bernini, Christiane Tricerri, Cristina Mutarelli, Daniel Rocha, Daniel Uemura, Danielle Winits, Eliane Giardini, Elizabeth Savalla, Fabiana Karla, Felipe Titto, Fernanda Machado, Francoise Forton, Fúlvio Stefanini, Gabriel Chadan, Genézio de Barros, Josie Antello, Juliano Cazarré, Júlio Rocha, Kiko Pissolato, Klara Castanho, Leona Cavalli, Lucas Romano, Luis Mello, Marcello Antony, Malvino Salvador, Marcelo Flores, Marcelo Schmidt, Maria Maya, Marina Ruy Barbosa, Mateus Solano, Miriam Lins, Mouhamed Harfouch, Nathalia Rodrigues, Nathália Thimberg, Neusa Maria Faro, Paolla Oliveira, Paula Braun, Pierre Baitelli, Raquel Villar, Renata Belem, Renata Castro Barbosa, Ricardo Ciciliano, Rodrigo Andrade, Rodrigo Mendonça, Rosamaria Murtinho, Sandra Coverloni, Susana Vieira, Tatá Werneck, Thiago Fragoso, Vanessa Giácomo, Vera Ferreira, Vera Mancini e Vera Zimermann.

Lucélia Santos e Elizabeth Savalla disputam papel em “Gabriela”, diz jornal

https://i1.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20111207155251.jpg

A Globo segue planejando o elenco do remake de “Gabriela”, que deve estrear em abril na faixa das 23h.

Nas últimas semanas, a emissora definiu Juliana Paes como protagonista da história e confirmou Maitê Proença para viver a mulher do coronel, que poderá ser interpretado por Antônio Fagundes.

Agora, Lucélia Santos (longe da TV desde 2007) e Elizabeth Savalla (“Morde & Assopra”) estariam disputando o papel de Maria Machadão, que foi da atriz Heloísa Mafalda na versão original, de 1975.

A cafetina terá mais destaque no remake, que está sendo escrito por Walcyr Carrasco.

Ainda segundo a publicação, a Globo gostaria de contar com Regina Duarte para o papel, porém ela já disse que pretende se dedicar ao teatro em 2012.

A nova adaptação de “Gabriela” faz parte do projeto da rede em homenagem ao centenário de nascimento do escritor Jorge Amado (1912-2001), que foi autor do livro “Gabriela Cravo e Canela”, que originou o folhetim, um dos marcos da teledramaturgia brasileira.

De acordo com o jornal Agora São Paulo

 

Regina Duarte recusa convite para viver personagem em “Gabriela”

Regina Duarte em foto de divulgação de O Astro (julho/2011)

Regina Duarte declinou o convite da Globo para viver Maria Machadão, dona de um cabaré em “Gabriela”, próximo “remake” da emissora. Depois de fazer “O Astro”, Regina alegou ter um compromisso inadiável com uma produção teatral em 2012.

Para o posto de intérprete da personagem, estão cotadas as atrizes Elizabeth Savalla e Lucélia Santos. “Gabriela” deve estrear a partir de abril.

Essas informasções são do Portal UOL

Elizabeth Savalla acha que Regina Duarte ainda tem destaque na TV

Fã de Regina Duarte desde que estreou na TV, Elizabeth Savalla não concorda totalmente com a declaração da colega sobre não receber mais tantos convites para bons papéis como quando era mais jovem. E ela acredita que é apenas um momento e diz que Regina teve importância em “Três irmãs”:

– A Regina é uma grande atriz. Ela tem um lugar que ninguém vai tomar. Quando eu surgi, falaram: ‘Você é a namoradinha do Brasil’. E eu falei: ‘Não, a namoradinha é a Regina, eu posso ser a amiguinha no máximo, esse posto é dela’. As pessoas se encantam pela Regina e isso ninguém pode tirar dela, só ela mesma. Em qualquer profissão você tem esses momentos. A verdade é que o ser humano nunca está realmente feliz. Mas em “Três irmãs” ela era praticamente uma protagonista. Eu nem me lembro que atrizes fizeram as irmãs, mas me lembro da Waldete – disse Elizabeth, de 55 anos, que apesar de também não ter papéis importantes como teve na juventude, não vê a questão como um problema: – Hoje as protagonistas são as meninas e nós temos que saber viver o momento. Temos que ser felizes. E nem sempre acontece assim também. A Fernanda (Montenegro) não foi protagonista quando mocinha, depois de “Guerra dos sexos” que começou a ser protagonista na Globo. E hoje ela é a mocinha da novela das oito, acho o máximo!

Fonte: Sessão Extra

%d blogueiros gostam disto: