Roberto Cabrini foi alvo de uma armação de policiais civis

https://i0.wp.com/f.i.uol.com.br/folha/cotidiano/images/1119384.jpeg

Imagem mostra o jornalista Roberto Cabrini sendo libertado após prisão; Corregedoria aponta armação policial

O apresentador do “Conexão Repórter“, foi alvo de armações de policiais há três anos atrás.

De acordo com  jornal Folha, foram seis policiais envolvidos, entre eles um delegado que armou a prisão de Roberto em 2008. Segundo consta a armação, Cabrini tería sido acusado de levar papelotes de cocaína em seu carro.

Tudo se tratava de uma vingança do dono da boate Bahamas – Oscar Maroni Filho – pois o apresentador do SBT havia feito uma denuncia com repórtagem na qual o Bahamas apareceu como “prostíbulo de luxo“. Claro que, Maroni negou tudo.

Com informações do jornal Folha.

Por Francisco Almeida.

“Conexão Repórter” registra bons índices

https://ocanal.files.wordpress.com/2011/05/conexao_reporter_traz_roberto_cabrini_e_jornalismo_investigativo_para_o_sbt_blog.jpg?w=300

A exibição do jornalístico “Conexão Repórter”, obteve bons índices de audiência, na noite desta última quarta-feira (11/05) para o SBT.

De acordo com dados prévios da Grande São Paulo, a atração obteve 6.8 (7) pontos, chegando a 8 pontos de pico com 11$ de share.

No mesmo horário, a BAND empatou com o SBT, uma vez que marcou 7.1 (7). A Record ficou em segundo lugar com 10.1 e a Globo em primeiro com 21.4.

** Esses índices são prévios e são baseados na preferência de um grupo de telespectadores da Grande São Paulo. Dados consolidados podem alterar para mais ou para menos.

Prévia: Conexão Repórter registra boa audiência para o SBT

A exibição do “Conexão Repórter” obteve bons índices de audiência para o SBT. De acordo com dados prévios da Grande São Paulo, a atração marcou média de  7.7 (8). A Record ficou na vice com 13 pontos e a Globo líderou com 20.7 (21) pontos.

Vale lembrar que cada ponto no Ibope representa aproximadamente 60 mil domicílios na capital paulista, dados que servem como referência para o mercado publicitário. Os índices são prévios e podem sofrer alterações nos consolidados.

Fórum NaTelinha

Real Time SP – Conexão Reporter bem

São Paulo – 22h51
:globo: 18.7
:record: 14
:sbt: 8.9
:band: 5.2
:redetv: 2.6

@tulio

São Paulo – 22h52
:globo: 18.2
:record: 13.1
:sbt: 8.7
:band: 5.3

@srgoes

“Conexão Repórter” registra bons índices de audiência nesta quarta (27/04)

https://ocanal.files.wordpress.com/2011/04/conexao-reporter1.jpg?w=300

Mesmo registrando o terceiro lugar no raking de audiências, a exibição do “Conexão Repórter” desta última quarta-feira (27/04), marcou bons índices de audiência.

De acordo com dados prévios da Grande São Paulo, a atração apresentada por “Roberto Cabrine” obteve uma média de 6.3 com 8 pontos de pico e 13% de share.

No mesmo horário, a Record ficou em segundo com 8.4 e a Globo em primeiro com 14.8. A BAND ficou em quarto com 3.6.

Cada ponto no Ibope representa aproximadamente 60 mil domicílios na capital paulista, dados que servem como referência para o mercado publicitário.

**Os índices são prévios e podem sofrer alterações no consolidado.

O CanalTV!

Conexão repórter mostra como o consumidor é enganado

Conexão repórter mostra como o consumidor é enganado - Reprodução

Roberto Cabrini  e sua equipe mostram no Conexão Repórter de quarta-feira (27), que vai ao ar  às 23h15, no SBT, como o consumidor brasileiro é enganado todos os dias.

Com câmeras escondidas, a reportagem da atração encontra pessoas que se aproveitam do desconhecimento do cidadão comum em relação a assuntos que vão de aparelhos eletrônicos até problemas de saúde.

Essas informações são do site O Fuxico

“Conexão Repórter” mostra a realidade dos mutilados no norte do Brasil

https://i0.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20110420142412.jpg

No “Conexão Repórter” desta quarta-feira (20), Roberto Cabrini e sua equipe mostram a realidade das vítimas das olarias. Homens e mulheres, na maioria da mesma família, que são mutilados enquanto trabalham.

A equipe viajou até Abaetetuba, no norte do País, para contar histórias como a de Gerson, que sonha em ganhar uma perna mecânica.

O “Conexão Repórter” vai ao ar a partir das 23h15, no SBT.

” Conexão Repórter” aborda aumento da violência contra homossexuais

No “Conexão Repórter” desta quarta-feira (13/04), Roberto Cabrini e sua equipe mostram o aumento da violência contra homossexuais. O apresentador fica frente a frente com um grupo que prega o ódio aos homossexuais. Só no ano passado, foram mais de 250 assassinatos.

A equipe saiu às ruas para descobrir onde nasce o preconceito, a intolerância, o desrespeito aos que são diferentes dos padrões da sociedade convencional. O apresentador Leão Lobo fica indignado com as declarações homofóbicas do grupo e reage aos insultos. O programa também entrevistou famílias que enfrentam o preconceito e fazem um relato de amor e compreensão.

Essas informações são do Leão Lobo

“Conexão Repórter” vira produto temporário no SBT

Na noite de hoje, logo depois de “Ana Raio e Zé Trovão”, o SBT vai apresentar um “Conexão Repórter” especial sobre a ditadura, lincado com a novela “Amor e Revolução”, do mesmo tema, que estreia na terça que vem. Um gancho bem oportuno. Pela primeira vez, ao invés das vítimas, serão ouvidos torturadores e o pessoal da repressão, em 60 minutos de arte ou mais de uma hora no ar.
Isso é uma coisa. A outra é que a partir da próxima quarta-feira, dia 6, o “Conexão Repórter” se transformará num produto temporário da grade. Ficará no ar durante seis semanas, período determinado, com o seu titular Roberto Cabrini abordando assuntos do mesmo tema, em edições de curta duração. Meia hora no máximo. Guardadas as devidas proporções algo que a Globo também faz com alguns dos seus programas – “Amor & Sexo”, por exemplo. A primeira delas, sobre prostituição, dará início a uma série investigativa. Quanto às demais ainda serão produzidas e apresentadas, de tempos em tempos, no decorrer do ano. O “Esquadrão da Moda” também se enquadrará ao mesmo sistema de rodízio. A atual temporada terminará em abril e o programa só voltará inédito em outubro.

Silvio decide por vôo solo do Conexão Repórter e Amor e Revolução não vai ao ar no sábado

Amor e Revolução irá ao ar de segunda a sexta, às 22h15

O SBT terá uma programação “tampão” em abril. Em maio, a emissora promoverá novas mudanças no horário nobre.

A programação de abril do SBT será aberta na segunda-feira, dia 4, com um programa de uma hora sobre os bastidores de Amor e Revolução e a temática da novela, a ditadura militar (1964-1985).

O especial, com uma hora de duração, irá ao ar às 23h15, no horário hoje ocupado pelo SBT Repórter.

Maior aposta da rede de Silvio Santos neste semestre, Amor e Revolução irá estrear na terça, (5), às 22h15. O SBT optou por não estrear a novela numa segunda-feira para evitar o confronto com uma Tela Quente especial na Globo.

Como será semana de estreia de nova grade na Globo, a expectativa no SBT é que a Globo programe um filme inédito e “campeão de audiência” na Tela Quente do dia 4.

Também para um melhor desempenho de Amor e Revolução no Ibope, o SBT irá exibi-la de segunda a sexta, e não de segunda a sábado. É que a audiência dos sábados costuma ser menor, o que “derruba” a média semanal.

O SBT Repórter migrará para as quartas. Será exibido após o Conexão Repórter, que terá só 30 minutos no ar.

O jornalístico de Roberto Cabrini, a princípio, iria virar quadro do Programa Silvio Santos, encerrando a atração dominical.

Silvio Santos chegou a gravar com a participação de Cabrini, mas achou que suas colegas de trabalho não iriam gostar dos temas pesados do jornalista.

O futuro do Conexão Repórter a partir de maio é incerto.

O Topa ou Não Topa, de Roberto Justus, trocará as quintas pelas segundas, a partir de 11 de abril. Em seu lugar entrará o Aventura Selvagem.

Aos sábados, às 21h30, a partir de 16 de abril, na vaga do Aventura, entrará a série Sobrenatural, com episódios inéditos de sua quinta temporada.

Essas informações são do Portal R7

SBT já escolheu os substitutos de “Solitários”

Na próxima quarta-feira o SBT terminará de exibir a segunda temporada do reality show solitários, mas já escolheu seus substitutos, para a semana seguinte do termino do programa, 30, será exibido uma edição especial do “Conexão Repórter”, já a partir do dia 6 de abril, a emissora volta a exibir episódios inéditos da série de grande sucesso “Sobrenatural”.

‘Conexão Repórter’ volta neste mês, com novas matérias e reformulado!

A direção SBT comunicou a imprensa que o repórter investigativo e apresentador Roberto Cabrini acertou com a sua  volta do Conexão Repórter na grade em 2011. Segundo o mesmo, o programa volta ao ar neste mês, o dia da atração nao foi confirmado, especula-se que seja as quartas, em substituição à 2ª Temporada de Solitários, exibido na faixa das 23h15, porem nada confirmado.

Cabrini já havia confirmado também no Twitter que o programa voltaria em março e que a produção de novas matérias já estava em andamento.

Conexão Repórter deve voltar em março no SBT

Neste sábado (29), Roberto Cabrini, jornalista e apresentador do SBT, anunciou em seu twitter, a volta do “Conexão Repórter” para o mês de março. Segundo Cabrini, a novidade fica por conta do novo dia e horário do programa; “o dia e horário em que voltaremos será uma ótima surpresa”, afirma o apresentador.

Roberto Cabrini apresenta matéria exclusiva sobre a Guerra no Rio

Roberto Cabrini apresenta matéria exclusiva sobre a Guerra no Rio O “Conexão Repórter” desta quinta-feira, dia 2 de dezembro, apresenta imagens exclusivas e inéditas sobre a Guerra no Rio de Janeiro.

A equipe da atração foi até a cidade para acompanhar a ação dos policiais e do exército nas principais favelas cariocas.

O programa inédito, apresentado pelo jornalista Roberto Cabrini, vai ao ar a partir das 20h15, na faixa nobre do SBT.

PS

ROBERTO CABRINE: “Fui alvo de uma grande armação”

Um dos jornalistas mais premiados do Brasil, Roberto Cabrini, do SBT, decidiu contar em livro detalhes desconhecidos e  bastidores de sua prisão em abril de 2008, acusado de porte de drogas.

“Fui alvo de uma grande armação, mas permaneci calmo. Sabia que havia sido vítima do complô de policiais que foram processados e punidos por uma reportagem minha”, revelou o apresentador do “Conexão Repórter”, e que vai  ganhar mais uma atração policial diária no SBT.

Cabrini nega ter usado drogas e afirma que, durante o processo, fez exames de sangue e até de cabelo para comprovar a inocência. “Fiz questão de fazer até aquele exame com raiz de cabelo, que pode achar vestígios de drogas até seis meses depois do uso. Pois deu negativo”, declara.

“Eu sei muito bem quem fez (a armação) e porque fez. É isso que quero contar no livro”, disse ele.

Cabrini, 50, foi o mais jovem repórter contratado pela Globo, aos 17 anos. Entre outros venceu o prêmioLíbero Badaró de Jornalismo (1998), o 14º Prêmio de Direitos Humanos (97) e o prêmio Tim Lopes de 2009, com a reportagem “O chefe do tráfico” .

Camila expulsa Luisa da casa de Luti

Luisa tenta convencer Camila a se reconciliar com Edgar. Gustavo explica a Edgar que Bruna nunca aceitará seu romance com Marcela. Gino avisa a Rebeca que Luisa foi visitar Camila e ela se irrita. Luisa discute com Camila e revela que tinha um caso com Edgar. Camila expulsa Luisa da casa de Luti. Edgar confessa a Bruna que não amava Camila e que pensou em desistir do casamento. Valquíria fica intrigada ao lembrar que Luti é assistente de Victor Valentim. Luti e Camila adormecem na sala. Valquíria vai à casa do namorado e questiona a relação de Luti com Victor Valentim. Camila fica constrangida com o ciúme de Valquíria e decide ir embora. Stéfany percebe o clima entre Chico e Nicole. Camila devolve seu vestido de noiva para Marta. Camila conta para Rebeca que Luisa tinha um caso com Edgar. Edgar afirma para Gustavo que ama Marcela. Jacques fica eufórico ao perceber que não saiu nada sobre o vestido de noiva de Victor Valentim na internet. Lipe avisa ao pai que Pedro quer falar com ele, mas Jacques ignora. Jacques procura Suzana e pergunta qual é sua verdadeira ligação com Victor Valentim. Rebeca procura Luisa na agência.

“CQC” escala repórteres para seguir os passos dos políticos e famosos no dia das eleições

A direção do “CQC” já escalou toda a equipe de repórteres para acompanhar os passos de vários candidatos no próximo domingo (3). De acordo com a escala montada, o programa irá cobrir os bastidores das eleições em três capitais: São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre.


CQC define escala de humoristas na cobertura das eleições
Divulgação/Band

Na capital paulista, as reportagens que mostrarão políticos e famosos votando serão conduzidas por Rafinha Bastos, Mônica Iozzi e Danilo Gentili. Já em Porto Alegre, onde a candidata Dilma Rousseff vota, a matéria será realizada por Oscar Filho.

Na cidade maravilhosa, os trabalhos serão comandados por Rafael Cortez e Felipe Andreoli. Enquanto isso, Marco Luque passará o próximo domingo seguindo os passos do presidente Lula em São Bernardo do Campo.

Além da vasta cobertura do dia das eleições, a edição do “CQC” da próxima segunda (4) ainda contará com um curta-metragem, de aproximadamente 15 minutos, que mostrará um político corrupto sendo desmascarado pela equipe do humorístico.

Com informações de O Estado de S. Paulo.

Silvio Santos evita brincadeiras com a Record

Imagem

Não é de hoje que a rixa entre SBT e Record anda acentuada. Desde o ano passado, quando a emissora dos bispos tirou o “xodó” de Silvio Santos, Gugu Liberato, o clima não é mais o mesmo.

O próprio apresentador, até então, evitava mostrar-se chateado ou preocupado com a concorrente. Porém, ultimamente, tem ficado difícil esconder a raiva que ele tem do canal responsável por colocar o SBT em uma profunda crise.

Em seus programas, tanto o “Roda a Roda” quanto o “Programa Silvio Santos”, o apresentador evita brincar com a Record e seu casting. Assunto proibido.

PRA COMENTAR: ‘CONEXÃO REPÓRTER’, O MELHOR PROGRAMA DO GÊNERO

Venho falando da excelente qualidade de alguns programas jornalísticos a algum tempo, ‘A Liga’ da Band é prova disso. Outro destaque é o ‘Conexão Repórter’, é impossível não assistir a um programa comandado por Roberto Cabrini. Vale lembrar os tempos áureos do ‘Repórter Record.

Quem gosta de reportagens sabe do que estou falando. Na ultima quinta o programa acompanhou o pastor Marcos Pereira que invade bailes funks no Rio e morros comandados por traficantes. Não vou comentar a atitude do pastor, mas a reportagem em si.

É  empolgante a forma que o programa através de sua edição vai relatando os acontecimentos. E Roberto Cabrini é enfático ao perguntar o que quer, ele vai direto ao assunto sem rodeios isso ajuda e muito, pois a reação do entrevistado muitas vezes vale mais que mil palavras.

O ‘Conexão Repórter’ é hoje o melhor programa do gênero, são reportagens interessantes toda semana. Investigativas, corajosas e com um diferencial: Roberto Cabrini. Não é por acaso que o programa chegou a liderar no Rio de Janeiro no horário de ‘Passione’.

Este é um programa que vale a pena assistir.

PRÉVIA: ‘Conexão Repórter’ em baixa audiência

http://multigolb.files.wordpress.com/2010/03/conexao-reporter.jpg

Mais uma vez, o programa se mostrou fraco diante a concorrência. A exibição de “Conexão Repórter” apresentado por “Roberto Cabrini” registrou na noite desta segunda-feira (25/05) uma média de 4 pontos. No mesmo horário, a Record colocou-se na vice-líderança com 9, já a Globo isolou-se na líderança com 18 pontos.

*Os números são prévios e podem sofrer alterações no consolidado. Cada ponto equivale aproximadamente 60 mil domicílios na Grande São Paulo.

Redação – O CanalTV

%d blogueiros gostam disto: