SBT registra o nome “CN – Central de Notícias”

Reprodução/SBTSBT lança novo logo “CN” – Central de Notícias

O SBT, que já havia conseguido os registros de “Brasil Agora” e “Nosso Brasil” para o seu jornalismo, também assegurou os direitos do título “CN – Central de Notícias”. Nome e logo definidos.

Pode ser uma das surpresas para os próximos tempos.

Informações da coluna do Flávio Ricco.

Rápidas (Guilherme Guidorizzi)

FOI BEM

A homenagem que o “Programa do Gugu” fez para Cazuza, indo até sua casa, em Angra dos Reis, e mostrando trechos de clips e apresentações. Muito bem editada e deu para matar as saudades do cantor.

FOI MAL

O “Domingo Legal” que reprisou como sendo nova uma ‘pegadinha’ com a apresentadora Christina Rocha. Foi dito que o ‘cúmplice’ é namorado dela. Numa dessas, o relacionamento pode ser águas passadas.

RETA DE CHEGADA

Começam hoje as semifinais da Copa do Mundo, com Uruguai x Holanda. Às 15h30, com Sportv, Band, ESPN Brasil, Globo e BandSports. Amanhã, no mesmo horário, Alemanha x Espanha.

ÍNDICES 1

Seis semanas depois das mudanças na grade dominical da Record, a emissora continua em segundo lugar com o ‘Programa do Gugu’ e ‘Domingo Espetacular’. O vespertino teve 11 de média contra oito do SBT, mantendo, assim, uma diferença de três pontos – quando recebeu um cover de Michael Jackson, Gugu chegou a ficar cinco minutos na liderança e por 25 minutos, marcou 14 contra 16 do ‘Domingão do Faustão’. Foi o segundo melhor Ibope de Gugu na faixa das 16h e o pior índice da Band desde 30 de maio, três pontos. Por sua vez, o jornalístico repetiu os 15 pontos da semana passada contra 20 da Globo e dez do SBT – foi a menor diferença entre a revista eletrônica e a emissora carioca desde que o programa de Paulo Henrique passou a entrar no ar às 20h; a atração da Record abocanhou o primeiro lugar por oito minutos. No confronto com o ‘Pânico’ (nove), a atração da Record teve 15, a Globo somou 20 e o SBT, dez. Com isso, a Record ficou em segundo lugar na média-dia (7h/0h) com nove e 21% de ‘share’, o melhor do ano.

ÍNDICES 2

Sem jogos da Copa, o SBT teve um leve crescimento com o ‘Domingo Legal’ e ‘Eliana’. O primeiro empatou com a Record, sete pontos, e chegou a dez de pico – contra o ‘Tudo é Possível’, venceu de oito a sete. ‘Eliana’ cravou oito, com 12 de pico, e empatou, em sete, com Ana Hickmann. A volta do “S.O.S Emergência” teve 14, um a menos em relação ao episódio anterior. O segundo “Programa Raul Gil” ganhou um ponto e fechou com sete; e o “De Frente com Gabi” voltou aos cinco. Na RedeTV!, o “Pânico na TV” marcou nove e ficou em quarto lugar; porém, por nove minutos foi vice-líder e por mais de 1h, terceiro colocado, batendo o “Programa Silvio Santos”, que teve dez. Na sequência, o “Dr.Hollywood” teve cinco e por 12 minutos ocupou o terceiro lugar no ‘ranking’. E Rodrigo Faro comemora: no sábado, ‘O Melhor do Brasil’ teve média de 11 e pico de 15, em São Paulo; e 15, com 21 de pico, e liderança por 32 minutos, no Rio. O quadro ‘Vai dar namoro?’, onde se vestiu de Elba Ramalho cravou 14 na ‘terra da garoa’ e 18 na ‘cidade maravilhosa’.

ARTILHARIA PESADA

Não poderia ser diferente. O caso envolvendo o goleiro Bruno, do Flamengo, foi tema do ‘Domingo Espetacular’ e ‘Fantástico’. Enquanto o programa da Record mostrou uma reconstituição dos acontecimentos, do ponto de vista da investigação, a revista eletrônica da Globo exibiu, com exclusividade, o interior do carro do atleta com manchas de sangue. O ‘Fantástico’ teve ainda uma entrevista com o médico Roger Abdelmassih. Já no ‘Domingo Espetacular’, a reportagem de destaque foi a denúncia que um filho do dono da RBS, afiliada da Globo em Porto Alegre e Florianópolis, teria estuprado uma jovem.

ALIÁS

Ontem, Ana Maria Braga recebeu o repórter Walmir Salaro e o promotor Francisco Cembranelli para discutirem o ‘caso Bruno’. Falou-se na existência ou não de um corpo para comprovar um possível crime. Acontece que estavam reunidos para tomar café da manhã. Ficou indigesto. Falando nisso, o ‘A Tarde é Sua’ de Sonia Abrão parou no tempo. Há dias que só tem dois assuntos em pauta: o assassinato da advogada Mércia e o sumiço da modelo Eliza, ex-amante do goleiro rubro-negro.

CONTRAPONTO

O “Legendários”, ótimo programa capitaneado por Marcos Mion, foi de um extremo ao outro na edição deste sábado, que marcou média de nove e foi, novamente, vice-líder. Um dos repórteres pediu, em tom duvidoso de brincadeira, que um holandês recebesse porrada (sic) porque sua seleção eliminou a brasileira. Não precisava disso. Depois, mostrou excelente matéria de Felipe Solari em Alagoas, com o drama dos afetados pelo temporal que castigou o estado. Sem sensacionalismo e com responsabilidade.

NADA MUDOU

O “Programa Silvio Santos” ganhou novo cenário (todo em tons de azul e ainda vários globos de discoteca), mas continua arrastado. As câmeras escondidas se repetem a exaustão e as gincanas, são sempre as mesmas (apesar dos cenários terem sido reciclados). Visivelmente, 4h é tempo demais. E ainda tem Lívia Andrade e, agora, Hellen Ganzarolli disputando quem fala mais besteiras durante o ‘Jogo dos pontinhos’; passou do ponto (sem trocadilho) há muito tempo. De graça não tem mais nada e falta bom senso.

COPA AJUDA

Na sexta, quando ‘Malhação’ não foi exibida, “Escrito nas Estrelas” marcou média de 30 pontos – a trama começou após a disputa de pênaltis entre Uruguai e Gana. Antes, ‘Sinhá Moça’ teve 16 e depois, ‘Tempos Modernos’ cravou 28 e ‘Passione’, 32. No sábado, 25 pontos para a trama das 18h; 23 para a das 19h e 30 para a das 21h. Na Record, ‘Ribeirão do Tempo’ fechou com nove e ‘Mutantes’, com seis. E no SBT, ‘Uma Rosa com Amor’ marcou sete contra seis de ‘Ana Raio & Zé Trovão’ e cinco de ‘As Tontas Não Vão ao Céu’, na sexta; no dia seguinte, o folhetim da Manchete manteve a audiência e a produção da emissora caiu para cinco.

FINALMENTE

Mariana vai para a cama com Guilherme em “Escrito nas Estrelas”. A personagem de Carol Castro até que resiste aos encantos do médico vivido por Marcelo Faria. Tudo começa quando ele descobre que sua esposa, Judite (Carolina Kasting), pediu que a filha inventasse uma doença para que eles não se separem. Depois disso, o médico liga para a estudante e marcam um encontro. As cenas devem ir ao ar amanhã.

%d blogueiros gostam disto: