BBB11 deve bater o recorde de faturamento; mais de R$ 400 milhões

Foto: Divulgação/TV Globo

Líder de audiência e principal reality show da televisão brasileira, Big Brother Brasil 11 já não tem mais espaço para anunciantes.

Desde quarta-feira da semana passada, o programa não aceita mais encomendas de ações de merchandising. Pelo menos dez grandes anunciantes não conseguiram emplacar suas marcas em premiações e provas como as que definem os líderes semanais. Terão de esperar pela 12ª edição de BBB, em 2012.

Os intervalos do reality show também estão lotados até o final de março.

Nunca antes um BBB fechou as portas para merchandisings a essa altura da competição. Nos últimos anos, o programa se revelou uma máquina de fazer dinheiro para a Globo e para quem anuncia nele.

Segundo a emissora, a rede de supermercados Carrefour aumentou as vendas de produtos com sua própria marca em 20% após divulgá-la nas sessões de compras semanais dos “brothers”.

O blog apurou que BBB 11 deverá faturar 20% a mais do que BBB 10, que atingiu cerca de R$ 340 milhões em receitas. Ou seja, o 11º BBB deve render à Globo cerca de R$ 400 milhões, praticamente a metade que o SBT de São Paulo (sem contar afiliadas) arrecada em um ano inteiro.

Essas informações são do colunista Daniel Castro do portal R7

%d blogueiros gostam disto: