‘Rei Davi’ é um dos maiores orçamentos da TV aberta


Com R$ 25 milhões, 'Rei Davi' é uma das maiores produções da TV aberta. Foto: Divulgação
Segundo o Portal Terra ‘Rei Davi’ é uma das maiores produções da TV aberta com R$ 25 milhões, a Record quer se destacar na produção de minisséries bíblicas. Começou com A História de Ester, que pecava em alguns efeitos especiais, atuações e detalhes técnicos.
Depois, investiu em Sansão e Dalila, que contava com um texto mais aprofundado e atuações convincentes, mas deixava a desejar ainda na parte gráfica e técnica. Agora, com ares de superprodução, Rei Davichega com um dos maiores orçamentos da TV aberta – são R$ 25 milhões divididos em 29 capítulos. O que explica os cenários bem feitos e a riqueza de detalhes no que diz respeito ao figurino e à produção de arte. Até o elenco parece mais bem selecionado, reunindo alguns dos mais importantes nomes da emissora. Como Leonardo Brício, Rodrigo Phavanello, Gracindo Jr., Maria Ribeiro e Ângela Leal, entre outros.

Mas sempre há onde melhorar. E, no caso de Rei Davi, fica evidente a necessidade de se preocupar ainda mais com os efeitos especiais. O embate entre Davi ainda pastor, na pele do seguro e bem preparado Leandro Léo, e um urso não chegou a lembrar a constrangedora luta de Sansão, de Fernando Pavão, com um leão. Mas poderia ter ficado bem mais convincente. Assim como a sequência em que o profeta Samuel, de Isaac Bardavid, mata o rei amalequita, cortando-lhe a cabeça.

A melhor surpresa veio mesmo nos salmos cantados em hebraico por Leandro Léo. O jovem ator, que também é cantor, se saiu muito bem na função, dando um charme a mais à fase ingênua de Davi, que esta semana será substituído por Leonardo Brício. O mesmo não se pode dizer da escalação de Marly Bueno para viver a vilã Ainoã, mulher do Rei Saul, de Gracindo Jr. Foi inevitável a sensação de “déjà vu” ao se constatar, já no primeiro capítulo, que até em tramas passadas no Velho Testamento a atriz interpreta a mãe ranzinza que inferniza o filho e a nora.

O discurso mais atual e a linguagem informal são, sem dúvida, tentativas de uma comunicação mais eficaz com as classes populares. Mas o que por um lado facilita o entendimento, por outro causa certa estranheza. Principalmente por se distanciar demais de tudo que é visto em cena. Chega a ser curioso que não tenham se preocupado em criar uma forma universal de falar que fosse de fácil compreensão e, ao mesmo tempo, preservasse o tom de épico da série.

Sobre @Enricke_Oliver
Siga me no twitter @Enricke_Oliver. ( http://twitter.com/#!/enricke_oliver ) Faço parte do site O canal TV! Abraços (!!!)

One Response to ‘Rei Davi’ é um dos maiores orçamentos da TV aberta

Participe do CTV. Deixe seu comentário! Você pode fazer login usando nome/e-mail, ou usando sua conta do Twitter ou Facebook. Faça bom uso deste recurso!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: