Rápidas (Guilherme Guidorizzi)


FOI BEM

A volta do “Sem Censura” (TV Brasil), anteontem, após longas férias. É aquele tipo de programa que sempre traz um bom leque de entrevistados e tem uma apresentadora, Leda Nagle, que deixa seus convidados extremamente à vontade.

FOI MAL

A fraca interpretação de Isadora Ribeiro, a Roberta Vermont, de “Uma Rosa com Amor”. Mesmo o papel sendo tão comum, recheado de clichês e sem a menor importância, a atriz não consegue fazer nem o trivial, apesar de uma certa experiência.

FELICIDADE

Hoje, o “1 Contra 100″ de Roberto Justus recebe fãs do SBT para enfrentarem Christina Rocha e Moacyr Franco. A ‘galera’ terá ainda nomes como Liminha e Patrícia Salvador, além da diretora da emissora, Daniela Beyruti. As perguntas, é claro, giram em torno da história da emissora. Às 23h.

“ESCRITO”

Bonitas tomadas do Rio de Janeiro e da estrada que dá acesso à Petrópolis, uma edição com sequências rápidas, um protagonista fraco, atores se destacando, repetição de cenas e uma triste coincidência. Assim, em suma, foi a estreia, anteontem à noite, de “Escrito nas Estrelas”, de Elizabeth Jhim, na Globo, com 26 pontos de média (superior ao primeiro capítulo de ‘Paraíso’ e ‘Cama de Gato’, que marcaram 25). A nova trama das 18h – que girou o capítulo de estreia em torno dos protagonistas – não teve uma preocupação de apresentar os personagens e buscou uma maneira bem natural de se fazer isso. O telespectador passou a saber quem é quem através de diálogos corriqueiros, sem ‘forçar a barra’ em nenhum momento. Logo em suas primeiras aparições, Nathalia Dill – a mocinha da história, Viviane – soube deixar de lado a Débora (‘Malhação’) e Maria Rita (‘Paraíso’), com um visual bem despojado, maquiagem nula e linguajar um pouco másculo. Já Jayme Matarazzo, o Daniel, mais parecia estar em ‘Malhação’. Faltou-lhe um pouco mais de entrega quando discutiu com o pai, Ricardo (Humberto Martins), mas acertou no tom ao contracenar com Viviane e Antônia (Susana Faini). A trama acertou também ao comparar o estilo de vida dos protagonistas e no efeito especial que colocou uma sombra atrás de Daniel.

MAIS “ESCRITO”

A nova novela das 18h parece que buscou inspiração em outras tramas e filmes. E conseguiu, ao mesmo tempo, acertar e errar a mão. O núcleo da favela já é algo corriqueiro nos dias de hoje; o lado da bandidagem se assemelhou a ‘Vidas Opostas’ e ‘Cinquentinha’, enquanto o lado do social (com o posto de saúde), acabou trazendo algo diferente. O envolvimento do pai de Viviane com um roubo à uma joalheria acabou sendo o ‘clichê dos clichês’: a mocinha briga com ele, que na fuga, deixa para trás um anel furtado, o que acaba incriminando a filha. A fuga de Viviane da polícia também desafinou, com alguns ‘takes’, visivelmente tendo sido gravados com auxílio de montagem. O núcleo da favela serviu ainda para um fato semelhante ocorrido no Rio, na semana passada: uma chuva torrencial provocou queda de barrancos e deixou feridos, numa sequência muito bem feita.O acidente que mata Daniel foi caprichado e bem dirigido, contudo a mata que serviu para a tragédia teve um ‘q’ de ‘Avatar’ e ‘Crepúsculo’.

SEGUE…

Ainda na estreia, o telespectador viu alguns atores se destacando. Caso de Humberto Martins, o frio e dominador dr.Ricardo, e Susana Faini, a dedicada Antônia. Outros personagens devem crescer no decorrer dos capítulos. Débora Falabella (Beatriz), Zezé Polessa (Sofia), Jandira Martini (Gilda) e Walderez de Barros (Zenilda) mostraram química e devem render bons momentos. “Escrito” contou ainda com uma agilidade na mudança das cenas, algo bem ‘The Flash’, e também na repetição delas. O núcleo de Sofia e Beatriz apareceu jantando, tomando café e almoçando para servir de pano de fundo para conversas um tanto iguais. Por fim, o telespectador teve um lindo tema de abertura (‘Quando a chuva passar’, que já havia sido usada em ‘Cobras & Lagartos’, de 2006) na voz de Paula Fernandes, numa interpretação bem diferente da original (de Ivete Sangalo). Enquanto isso, Beatriz (Débora Falabella) apareceu ao som de ‘Se ela dança, eu danço’, de MC Leozinho, igual o que ocorria com Inocência (Bárbara Paz) em ‘Cristal’, do SBT, também de 2006. No geral, a novela tem tudo para agradar o público mais espiritualizado, mesmo com uma temática conhecida.

FAROFADA

Em um capítulo onde os moradores do cortiço foram para a praia em um ônibus mal conservado, numa autêntica viagem de farofeiros, “Uma Rosa com Amor” (SBT) marcou sete pontos de média. O episódio mostrou ainda o problema de se gravar com tanta antecedência. Giovanni (Edney Giovenazzi) perguntou a Claude (Cláudio Lins) quem venceria o campeonato de futebol e ouviu como resposta o Palmeiras, que foi eliminado do Campeonato Paulista, após uma campanha vergonhosa. Na Record, ‘Bela, a Feia’ somou 14. E na Globo, ‘Sinhá Moça’ obteve 13; ‘Malhação’, 17; ‘Tempos Modernos’, 23 – com o embate entre Nelinha (Fernanda Vasconcellos) e Goreti (Regiane Alves); e ‘Viver a Vida’, 39.

MUDOU O TOM

Tiago Santiago, autor de “Uma Rosa”, postou anteontem em seu blog, alfinetou quem está criticando a sua novela. Disse que ‘não há descaso, há disciplina’, voltou a elogiar Vicente Sesso – a quem chamou de genial – e agora torce por um crescimento na audiência para seis meses. A novela já está acabando de ser escrita e as gravações, bem adiantadas.

ELOGIOS

Ontem, Netinho de Paula foi ao programa “Márcia” (Band) para falar de 12 personalidades. Sobre Silvio Santos, seu ex-patrão, disse que o animador precisava dedicar mais seu tempo ao canal. O ex-líder do Negritude Jr. mostrou um certo ressentimento em relação aos seus ex-companheiros de grupo. ‘Você tem feito o papel da minha mãe, ao me mandar estudar’, disse em relação a Marlene Mattos, que era sua diretora no SBT. Para o cantor Belo, não faltaram elogios: ‘Ele pode ser o novo Roberto Carlos, porque o Brasil o ama’. Sobre Gugu, afirmou que ele foi o primeiro a aprovar uma ideia sua, que deve a ele o fato de ter se achado como apresentador e que o loirinho sempre o icentivou. Netinho explicou que Walter Lacet, então diretor do SBT, recusou sua proposta de ter um programa solo; motivo pelo qual acabou sendo contratado pela Record. Ele também mostrou ressentimento com relação a Hebe Camargo; criticou a edição do programa ‘Pânico na TV’ (no episódio em que ele agrediu Rodrigo Scarpa); e afirmou que Taís Araújo é sua grande paixão.

SELOS

Nova novela do SBT, “As Tontas Não Vão Ao Céu” (que estreia segunda) recebeu classificação dez anos. Já o “Tribunal da TV” (Band) foi considerado inadequado para menores de 12 anos. O canal recebeu classificação 14 anos para a série “Irmãos de Guerra”, que já tem chamadas no ar. A Globo, por sua vez, conseguiu liberar os episódios da segunda temporada de “Yin Yang Yo!” e da terceira de ”Hanna Montanna” para qualquer horário. Com relação aos filmes, vem por aí “Parece que foi ontem” (SBT), “A arca perdida”, “Salvando o ganso de Natal”, “Os mata fantasmas” e “A turminha Johnson chega às estrelas” (Record), todos com classificação livre.

TUDO OU NADA

Em segundo lugar em seu grupo, o oitavo, o Flamengo enfrenta (e precisa vencer) hoje a Universidad Católica, pela penúltima rodada da primeira fase da Libertadores. Apenas os primeiros colocados e os seis melhores que terminarem em segundo avançam para a fase seguinte. Globo (menos para SP, PE e MG) e Sportv 2 (menos para RJ) mostram às 21h50. No mesmo horário, Globo (só para SP) e o Sportv (menos para SP) exibem Racing (Uruguai) e Corinthians, também pela competição sul-americana – o alvinegro é lider do grupo 1. Os estados de Pernambuco e Minas assistem, na emissora carioca, Atlético-MG x Sport, pelas oitavas de final da Copa do Brasil, na primeira partida, direto do Mineirão. Ainda pelo torneio nacional, o Sportv (só para SP) e a Band transmitem às 21h50, Santos x Guarani. E o Sportv 2 (só para RJ) mostra Corinthians-PR x Vasco.

2 Responses to Rápidas (Guilherme Guidorizzi)

  1. Zezo says:

    Só pra variar, o IBOPE no consolidado, privilegiou a Globo em detrimento ddas outras redes, todos os resultados globais ficaram 2 pontos acima das prévias, enquanto ó consolidado de outras redes ficaram abaixo, (MUITO ESTRANHO) isso acontecer quase todos os dias…….há algo estranho no Reino da Dinamarca!!!!!!!inclusive um resultado surpreendente, Casseta e Planeta ter saido de 21 para 26 pontos, e tc…,etc…etc…não dá pra entender!!!!!!!!!

  2. ale says:

    Por qque vc Rodrigo não dança o reboleixom com o corpo da mulher melancia

Participe do CTV. Deixe seu comentário! Você pode fazer login usando nome/e-mail, ou usando sua conta do Twitter ou Facebook. Faça bom uso deste recurso!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: